Exportar registro bibliográfico

O Instituto Cubano del Arte e Indústria Cinematográficos (ICAIC) e a política cultural em Cuba (1959-1991) (2006)

  • Autores:
  • Autor USP: VILLACA, MARIANA MARTINS - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLH
  • Assuntos: POLÍTICA CULTURAL; CINEMA; INDÚSTRIA CINEMATOGRÁFICA
  • Idioma: Português
  • Resumo: Neste trabalho analisamos a história do Instituto Cubano del Arte e Indústria Cinematográficos, primeiro organismo cultural criado após a Revolução cubana, e seu papel na política cultural, entre 1959 e 1991. Por meio da análise de documentos da política cultural, da revista Cine Cubano, além de depoimentos, críticas e alguns filmes que repercutiram especialmente os dilemas e questionamentos dos intelectuais cubanos, abordamos as tensões entre a política cultural oficial, o ICAIC e os projetos dos cineastas. Esse Instituto, pelo qual circularam muitos cineastas latino-americanos e europeus, foi palco de debates, disputas políticas e diversas polêmicas envolvendo filmes e tendências estéticas, como o realismo socialista e a nouvelle vague. Nossa tese é de que o ICAIC, pode ser considerado uma instituição privilegiada no meio cultural cubano, pois consolidou uma autonomia relativa em relação aos mecanismos de controle governamentais, por meio da ação dos cineastas e da mediação da direção do Instituto. Esta autonomia foi abalada, em diversos momentos, em função de fatores como a reestruturação do Estado, os fracassos econômicos e o acirramento do autoritarismo em Cuba, principalmente a partir dos anos 70. Ainda assim, o Instituto se readaptou às demandas políticas governamentais num jogo político de adesão e resistência à política cultural oficial, que tornou possível a produção de vários filmes ambíguos e críticos ao regime, ao longo desse período
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.10.2006
  • Acesso à fonte
    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VILLAÇA, Mariana Martins; CAPELATO, Maria Helena. O Instituto Cubano del Arte e Indústria Cinematográficos (ICAIC) e a política cultural em Cuba (1959-1991). 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-06112006-174750/ >.
    • APA

      Villaça, M. M., & Capelato, M. H. (2006). O Instituto Cubano del Arte e Indústria Cinematográficos (ICAIC) e a política cultural em Cuba (1959-1991). Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-06112006-174750/
    • NLM

      Villaça MM, Capelato MH. O Instituto Cubano del Arte e Indústria Cinematográficos (ICAIC) e a política cultural em Cuba (1959-1991) [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-06112006-174750/
    • Vancouver

      Villaça MM, Capelato MH. O Instituto Cubano del Arte e Indústria Cinematográficos (ICAIC) e a política cultural em Cuba (1959-1991) [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-06112006-174750/


Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021