Exportar registro bibliográfico

Medicação química espinal da antinocicepção produzida por estimulação do núcleo tegmental pedunculopontino em ratos (2005)

  • Autores:
  • Autor USP: DIAS JÚNIOR, QUINTINO MOURA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFA
  • Assuntos: FARMACOLOGIA; NOCICEPTORES; DOR (CONTROLE)
  • Idioma: Português
  • Resumo: A estimulação elétrica ou química do núcleo tegmental pedunculopontino (NPPTg) produz intenso e duradouro efeito antinociceptivo em diversos testes algesimétricos. Evidências neuroanatômicas e farmacológicas indicam que a antinocicepção produzida por estimulação (APE) do NPPTg decorre da liberação de neurotransmissores na medula espinal. No entanto, as escassas projeções espinais diretas do NPPTg sugerem que esta APE provavelmente decorre da ativação de estações intermediárias envolvidas em sistemas bulboespinais adrenérgicas e serotoninérgieas. O presente estudo avalia a mediação química espinal da antinocicepção produzida por estimulação elétrica (35'mü'A rms, 60 Hz) do NPPTg no teste de retirada da cauda em ratos. Os animais receberam, por via intratecal, antagonistas dos principais neutransmissores possivelmente envolvidos na APE do NPPTg: dopamina, noradrenalina, acetilcolina, serotonina, opióides endógenos e GABA. A APE do NPPTg foi bloqueada pelo fenoxibenzamina (20'mü'g/5'mü'L), antagonista 'alfa'-adrenérgico, reduzida de maneira dose-dependente pelo WB 4101 (20'mü'g/5'mü'L). antagonistas ''alfa IND. 1''-adrenérgico, e pela atropina (20'mü'g/5'mü'L e 30'mü'g/5'mü'L), antagonista colinérgico muscarínico e prolongada pelo faclofeno (20'mü'g/5'mü'L), antagonista 'GABA IND. B'. O pré-tratamento dos animais com idazoxam (50'mü'g/5'mü'L), antagonista ''alfa IND. 2''-adrenérgico, metisergida (30'mü'g/5'mü'L), antagonista serotoninérgico ou naloxona(20'mü'g/5'mü'L), antagonista opióide, não impediu a obtenção da APE do NPPTg, mas reduziu significativamente sua duração. Por outro lado, o pré-tratamento dos animais com haloperidol (25'mü'g/5'mü'L), antagonista dopaminérgico, propranolol (20'mü'g/5'mü'L), antagonista 'beta'-adrenérgico, mecamilamina (40'mü'g/5'mü'L), antagonista colinérgico nicotínico, ou bicuculina (0,3'mü'g/5'mü'L)' antagonista 'GABA IND. A', foi ineficaz em alterar a APE do NPPTg. A injeção intratecal de WB 4101 (20'mü'g/5'mü'L), idazoxam (50'mü'g/5'mü'L) ou bicuculina (0,3'mü'g/5'mü'L, reduziu o limiar nociceptivo, mas este eleito não teve relevância estatística quando comparado ao grupo controle (salina falso-estimulado). Estes resultados mostram que a APE do NPPTg depende da integridade da neurotransmissão noradrenérgica, via receptores ''alfa IND. 1''-adrenérgicos, e colinérgica muscarínica na medula espinal. Além disso, o GABA liberado espinalmente, agindo em receptores 'GABA IND. B', modula negativamente a APE do NPPTg. A duração, mas não a obtenção da APE do NPPTg, depende da integridade da neurotransmissão noradrenérgica, via receptores ''alfa IND. 2''adrenérgicos, serotoninérgica e opioidégica espinal. A neurotransmissão dopaminérgica, 'beta'-adrenérgica, colinérgica nicotínica, e GABAérgica, via receptores 'GABA IND. A', parecem não estar envolvidas na APE do NPPTg
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.11.2005

  • Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DIAS JÚNIOR, Quintino Moura; PRADO, Wiliam Alves. Medicação química espinal da antinocicepção produzida por estimulação do núcleo tegmental pedunculopontino em ratos. 2005.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2005.
    • APA

      Dias Júnior, Q. M., & Prado, W. A. (2005). Medicação química espinal da antinocicepção produzida por estimulação do núcleo tegmental pedunculopontino em ratos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Dias Júnior QM, Prado WA. Medicação química espinal da antinocicepção produzida por estimulação do núcleo tegmental pedunculopontino em ratos. 2005 ;
    • Vancouver

      Dias Júnior QM, Prado WA. Medicação química espinal da antinocicepção produzida por estimulação do núcleo tegmental pedunculopontino em ratos. 2005 ;


Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021