Exportar registro bibliográfico

Estudo do efeito in vitro de extratos de Tamarindus indica L. sobre fatores de virulência de Streptococcus mutans, relacionados à cárie dental (2005)

  • Autores:
  • Autor USP: LEITE, MATEUS FREIRE - FCFRP
  • Unidade: FCFRP
  • Sigla do Departamento: 602
  • Assuntos: FÁRMACOS; MEDICAMENTO
  • Idioma: Português
  • Resumo: Streptococcus mutans tem papel importante no desenvolvimento da cárie dental por produzirem ácidos orgânicos que desmineralizam o esmalte dental. Este trabalho teve como objetivo avaliar a capacidade de extratos brutos etanólico, hidroetanólico e aquoso de Tamarindus indica L. bem como as frações hexânica, clorofórmica, acetato de etila e aquosa do extrato etanólico de Tamarindus indica L. sobre capacidade de inibir a produção de ácidos orgânicos pelo S. mutans e determinar concentração inibitória mínima (CIM) e concentração bactericida mínima (CBM). A produção de ácidos foi monitorada pelo registro potenciométrico do pH da suspensão bacteriana em função do tempo de incubação, tratadas com concentrações seriadas dos extratos brutos (2,0 a 12,0mg/mL) e frações (0,05 a 1,50mg/mL), incubada com excesso de glucose a '37 GRAUS'C por 1h e plotada em curvas dose-resposta. O efeito inibitório produzido pelos extratos sobre o potencial acidogênico bacteriano foi expresso em curvas dose-resposta. Valores de inibição para a produção bacteriana de ácidos foram determinados em 4,04 a 39,15% para extrato hidroetanólico, zero a 82,77% para extrato etanólico e zero a 85,32% para fração hexânica do extrato etanólico. As frações clorofórmica e acetato de etila promoveram pequena estimulação na produção de ácidos, mas sem significância estatística. O extrato aquoso e a fração aquosa não apresentaram inibição significativa. Os valores de 'IC IND. 50' foram determinados em4,57mg/mL para o extrato etanólico e 0,26mg/mL para a fração hexânica. Apenas a fração hexânica apresentou inibição sobre o crescimento bacteriano (120'mü'g/mL), sendo também bactericida na mesma concentração. Somente o extrato etanólico e a fração Hexânica apresentaram atividade significativa sobre os fatores de virulência avaliados. A atividade encontrada sugere a presença de componentes ativos com natureza apolar nos extratos estudados
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.10.2005

  • Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LEITE, Mateus Freire; SPADARO, Augusto César Cropanese. Estudo do efeito in vitro de extratos de Tamarindus indica L. sobre fatores de virulência de Streptococcus mutans, relacionados à cárie dental. 2005.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2005.
    • APA

      Leite, M. F., & Spadaro, A. C. C. (2005). Estudo do efeito in vitro de extratos de Tamarindus indica L. sobre fatores de virulência de Streptococcus mutans, relacionados à cárie dental. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Leite MF, Spadaro ACC. Estudo do efeito in vitro de extratos de Tamarindus indica L. sobre fatores de virulência de Streptococcus mutans, relacionados à cárie dental. 2005 ;
    • Vancouver

      Leite MF, Spadaro ACC. Estudo do efeito in vitro de extratos de Tamarindus indica L. sobre fatores de virulência de Streptococcus mutans, relacionados à cárie dental. 2005 ;


Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021