Exportar registro bibliográfico

O edifício teatral paulistano (2005)

  • Autores:
  • Autor USP: AMARAL, ELISABETH CRISTINA ECKER - FAU
  • Unidade: FAU
  • Sigla do Departamento: AUH
  • Assuntos: TEATROS (ARQUITETURA); ARQUITETURA MODERNA
  • Idioma: Português
  • Resumo: A história do edifício teatral paulistano é apresentada neste trabalho buscando esclarecer, na medida do possível, suas relações com as crenças, a dramaturgia e as mudanças sócio políticas. Discorre-se sobre sua origem, quando ainda era apenas representação, desprovida de edifícios e, desenvolve-se a abordagem abrangendo os primeiros teatros na cidade de São Paulo. Num segundo momento analisa-se mais especificamente alguns edifícios de teatro considerados exemplares arquitetônicos do período modernista. Além de possuírem características da arquitetura moderna que se firmava na cidade de São Paulo, são importantes referenciais culturais quanto à sua distribuição na malha urbana. Finalmente, estuda-se outros três edifícios, nos palcos dos quais, ocorreram grandes revoluções cênicas. Esses teatros se apropriaram de edifícios que não foram construídos para este fim, portanto, adaptando-os ao fazer teatral e, pode-se dizer que os novos espaços criados testemunharam as vanguardas que protagonizaram a cena.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 18.04.2005

  • Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      AMARAL, Elisabeth Cristina Ecker. O edifício teatral paulistano. 2005. Dissertação (Mestrado) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005. . Acesso em: 13 ago. 2022.
    • APA

      Amaral, E. C. E. (2005). O edifício teatral paulistano (Dissertação (Mestrado). Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Amaral ECE. O edifício teatral paulistano. 2005 ;[citado 2022 ago. 13 ]
    • Vancouver

      Amaral ECE. O edifício teatral paulistano. 2005 ;[citado 2022 ago. 13 ]

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2022