Exportar registro bibliográfico

Estado nutricional em magnésio como determinantes da eficiência da suplementação de creatina em praticantes de musculação (2004)

  • Autores:
  • Autor USP: MENDES NETTO, RAQUEL SIMÕES - FCF
  • Unidade: FCF
  • Sigla do Departamento: FBA
  • Assuntos: ESTADO NUTRICIONAL; DIETA PARA ESPORTISTAS; SUPLEMENTAÇÃO ALIMENTAR
  • Idioma: Português
  • Resumo: Com objetivo de avaliar o efeito da suplementação de creatina sobre os indicadores bioquímicos do estado nutricional em magnésio, em praticantes de musculação, foram estudados 26 indivíduos (18 - 35 anos) do sexo masculino, com mínimo 1 ano de treinamento, que se voluntariaram para o experimento. Os indivíduos cumpriram período adaptativo ao protocolo de treinamento e de orientação dietética de pelo menos 30 dias. Em seguida, foram distribuídos aleatoriamente para iniciar o protocolo de suplementação, duplo-cego, por 7 dias com CREa-Mg (creatina-magnésio), Crea (creatina) ou Pia (placebo). Antes e após o início da suplementação, foram feitas avaliações antropométricas do peso e composição corporal, determinações plasmática e eritrocitária e urinária de magnésio. A orientação da dieta e de treino promoveram reduções significativas do peso (2kg), massa magra (1 kg) e gordura corporal (1 kg). O treinamento de musculação promoveu redução na excreção urinária (4,2 ´MAIS OU MENOS` 1,3 x 3,3 ´MAIS OU MENOS` 1,3 mmol/d) de magnésio enquanto que a suplementação com Crea-Mg aumentou (4,2 ´MAIS OU MENOS` 1,5 x 6,4 ´MAIS OU MENOS` 2,4 mmol/d). A diminuição da concentração do magnésio plasmático foi proporcional ao aumento da concentração no eritrócito no grupo Crea-Mg (p`MENOR`0,05). Enquanto que, para o grupo Crea, a diminuição da concentração do magnésio urinário e eritrocitário foram significativas e proporcionais. Assim, do ponto de vista de distribuição do magnésiocorporal no sangue e na urina, podemos considerar que a suplementação com creatina leva à maior exigência do magnésio corporal, o que justificaria sua associação na suplementação.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.08.2004
  • Acesso à fonte
    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MENDES NETTO, Raquel Simões; COLLI, Célia. Estado nutricional em magnésio como determinantes da eficiência da suplementação de creatina em praticantes de musculação. 2004.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004. Disponível em: < https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-05022020-150223/pt-br.php >.
    • APA

      Mendes Netto, R. S., & Colli, C. (2004). Estado nutricional em magnésio como determinantes da eficiência da suplementação de creatina em praticantes de musculação. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-05022020-150223/pt-br.php
    • NLM

      Mendes Netto RS, Colli C. Estado nutricional em magnésio como determinantes da eficiência da suplementação de creatina em praticantes de musculação [Internet]. 2004 ;Available from: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-05022020-150223/pt-br.php
    • Vancouver

      Mendes Netto RS, Colli C. Estado nutricional em magnésio como determinantes da eficiência da suplementação de creatina em praticantes de musculação [Internet]. 2004 ;Available from: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-05022020-150223/pt-br.php


Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021