Exportar registro bibliográfico

Estudo das condições de saúde bucal e necessidades de tratamento em pacientes do curso de odontologia da Universidade Federal do Pará (2003)

  • Autores:
  • Autor USP: ARAUJO, MARIZELI VIANA DE ARAGAO - FO
  • Unidade: FO
  • Sigla do Departamento: ODE
  • Assuntos: SAÚDE BUCAL (TRATAMENTO); ODONTOLOGIA EM SAÚDE COLETIVA; PACIENTES EM ODONTOLOGIA; PARÁ
  • Idioma: Português
  • Resumo: O Brasil tem sido freqüentemente referido como um país detentor de altos índices de prevalência de doenças bucais, em particular a cárie dentária e a doença periodontal. O presente trabalho, teve como principais objetivos avaliar as condições de saúde bucal e necessidades de tratamento em cárie dentária, doença periodontal e prótese, dos pacientes que procuram atendimento no Curso de Odontologia da Universidade Federal do Pará, para verificar a prevalência destas doenças. Foram examinados 120 pacientes, divididos em quatro grupos: 12, 15 a 19, 35 a 44 e 65 a 74 anos, durante o ano de 2002. Os parâmetros utilizados foram o ICDNT, CPITN e uso e necessidade de prótese dentária, recomendados pela OMS. Os pacientes que procuraram atendimento no Curso de Odontologia da Universidade Federal do Pará, foram em maior prevalência, de cor parda e do sexo feminino. O Índice CPO-D geral da amostra foi de 11,91 e de 1,63 para os 12 anos, 4,63 para a faixa etária de 15 a 19 anos, 16,40 dos 35 aos 44 anos e 25,1 para a faixa etária de 65 a 74 anos. A necessidade de tratamento da cárie dentária predominante foi o tratamento restaurador de uma, duas ou mais faces. Em relação a pior condição periodontal encontrada nos pacientes, foi detectada uma alta prevalência da doença periodontal, com alto percentual de sextantes excluídos, seguido da presença de cálculo e bolsa de 4 a 5 mm, levando a uma necessidade de tratamento periodontal concentrada em raspagem, profilaxia e educaçãode higiene oral. O uso de prótese ficou concentrado nas faixas etárias de 35 a 44 anos e 65 a 74 anos. Em relação a necessidade de prótese foi observado que 45% dos pacientes necessitavam de prótese superior e 54,2% de prótese inferior. Quando analisada a necessidade de prótese em relação ao sexo, 41,81% dos pacientes do sexo masculino e 67,69 do sexo feminino, necessitavam de prótese, demonstrando uma maior necessidade nas mulheres examinadas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.06.2003
  • Acesso à fonte
    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ARAÚJO, Marizeli Viana de Aragão; TORTAMANO, Nicolau. Estudo das condições de saúde bucal e necessidades de tratamento em pacientes do curso de odontologia da Universidade Federal do Pará. 2003.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2003. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23138/tde-08092003-163712/ >.
    • APA

      Araújo, M. V. de A., & Tortamano, N. (2003). Estudo das condições de saúde bucal e necessidades de tratamento em pacientes do curso de odontologia da Universidade Federal do Pará. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23138/tde-08092003-163712/
    • NLM

      Araújo MV de A, Tortamano N. Estudo das condições de saúde bucal e necessidades de tratamento em pacientes do curso de odontologia da Universidade Federal do Pará [Internet]. 2003 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23138/tde-08092003-163712/
    • Vancouver

      Araújo MV de A, Tortamano N. Estudo das condições de saúde bucal e necessidades de tratamento em pacientes do curso de odontologia da Universidade Federal do Pará [Internet]. 2003 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23138/tde-08092003-163712/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021