Exportar registro bibliográfico


Métricas:

Aspectos da transmissão da leishmaniose visceral no município de Mirandópolis, região noroeste do Estado de São Paulo (2001)

  • Autores:
  • Autor USP: KANETO, CARLOS NORIYUKI - FSP
  • Unidade: FSP
  • Sigla do Departamento: HEP
  • DOI: 10.11606/T.6.2020.tde-10032020-133238
  • Assuntos: LEISHMANIOSE VISCERAL (TRANSMISSÃO); ELISA
  • Idioma: Português
  • Resumo: Objetivo: Devido a localização do município de Mirandópolis em região com recente identificação da ocorrência de leishmaniose visceral, o presente estudo teve por objetivo a realização de estudo epidemiológico para verificar as possibilidades de transmissão dessa parasitose em suas áreas urbana e rural, em 2000. Método: As pesquisas sobre a ocorrência do vetor foram realizadas com o emprego de armadilhas automáticas luminosas em miniatura, instaladas semanalmente, durante o ano de 2000, em 6 pontos fixos urbanos e 5 rurais. Os pontos urbanos compreenderam o peridomicílio e intradomicílio de três residências e os rurais, chiqueiro, galinheiro, curral, abrigo do cão e intradomicílio, todos localizados em uma única propriedade. Foram consideradas as interferências de temperatura e da precipitação pluviométrica na densidade de flebotomíneos. Para investigar a infecção natural por flagelados, os flebotomíneos foram capturados com armadilhas de Shannon e aspiradores manuais. Realizou-se um inquérito sorológico com o emprego da técnica de imunofluorescência indireta em amostras de sangue venenoso de 603 cães recolhidas em papel de filtro. Utilizou-se 62 amostras de soros caninos para comparar os testes de imunofluorescência e Elisa, quanto à sensibilidade e especificidade. Inoculação intraperitoneal de macerados de pool de órgãos combinados com semeadura em meio NNN foram realizados a partir de 13 cães sorologicamente positivos.Resultados: L.longipalpis foi capturada durante todo o ano de modo positivamente correlacionado com a temperatura do ar. A atratividade exercida por bovinos, suínos, aves, cães e homem foram semelhantes. A prevalência de soros reagentes estimada no inquérito canino foi de 1,7% (n=603). O desempenho do teste de Elisa foi superior ao teste de imunofluorecência. Não foram encontradas formas flageladas de protozoários em 19 fêmeas de L. longipalpis dissecadas, porém foram isoladas duas cepas de Leishmania chagasi a partir de dois cães infectados. Conclusão: Com enfoque nos principais elos da cadeia de transmissão da leihmaniose visceral existem possibilidades de transmissão para os habitantes do município proporcionadas pela presença constante e disseminada do vetor, pelo encontro de reservatório sorologicamente positivo tanto no meio urbano como na zona rural e pela presença constatada do próprio agente etiológico.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.11.2001
  • Acesso à fonteDOI
    Informações sobre o DOI: 10.11606/T.6.2020.tde-10032020-133238 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold
    • Licença: cc-by-nc-sa

    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      KANETO, Carlos Noriyuki; GALATI, Eunice Aparecida Bianchi. Aspectos da transmissão da leishmaniose visceral no município de Mirandópolis, região noroeste do Estado de São Paulo. 2001.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2001. Disponível em: < https://doi.org/10.11606/T.6.2020.tde-10032020-133238 > DOI: 10.11606/T.6.2020.tde-10032020-133238.
    • APA

      Kaneto, C. N., & Galati, E. A. B. (2001). Aspectos da transmissão da leishmaniose visceral no município de Mirandópolis, região noroeste do Estado de São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://doi.org/10.11606/T.6.2020.tde-10032020-133238
    • NLM

      Kaneto CN, Galati EAB. Aspectos da transmissão da leishmaniose visceral no município de Mirandópolis, região noroeste do Estado de São Paulo [Internet]. 2001 ;Available from: https://doi.org/10.11606/T.6.2020.tde-10032020-133238
    • Vancouver

      Kaneto CN, Galati EAB. Aspectos da transmissão da leishmaniose visceral no município de Mirandópolis, região noroeste do Estado de São Paulo [Internet]. 2001 ;Available from: https://doi.org/10.11606/T.6.2020.tde-10032020-133238

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2022