Exportar registro bibliográfico

Comunistas do Brasil: interpretações sobre a cisão de 1962 (2000)

  • Autores:
  • Autor USP: POMAR, VALTER VENTURA DA ROCHA - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLH
  • Assuntos: COMUNISMO; PARTIDOS POLÍTICOS (PROCESSO POLÍTICO); COMUNISMO
  • Idioma: Português
  • Resumo: O trabalho estuda a formação do Partido Comunista do Brasil a partir da cisão ocorrida no movimento comunista brasileiro em 1962. O estudo dos documentos do Partido, a análise da bibliografia especializada e a entrevista com dirigentes do partidorevelam que a formação do PC do B foi resultado de uma conjuntura nacional e internacional de radicalização política e social, que provocou um tensionamento no interior do movimento comunista brasileiro, a respeito de duas questões fundamentais:a relação com a chamada burguesia nacional e a "via de tomada do poder"
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 04.07.2000

  • Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      POMAR, Valter Ventura da Rocha; COGGIOLA, Osvaldo Luís Angel. Comunistas do Brasil: interpretações sobre a cisão de 1962. 2000.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2000.
    • APA

      Pomar, V. V. da R., & Coggiola, O. L. A. (2000). Comunistas do Brasil: interpretações sobre a cisão de 1962. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Pomar VV da R, Coggiola OLA. Comunistas do Brasil: interpretações sobre a cisão de 1962. 2000 ;
    • Vancouver

      Pomar VV da R, Coggiola OLA. Comunistas do Brasil: interpretações sobre a cisão de 1962. 2000 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021