Exportar registro bibliográfico

Comparação entre pinos absorvíveis de poliparadioxanona e de poliuretana da mamona na fixação de segmentos osteocondrais do fêmur distal de coelhos (1999)

  • Autores:
  • Autor USP: KFURI JÚNIOR, MAURÍCIO - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCO
  • Assunto: ORTOPEDIA
  • Idioma: Português
  • Resumo: 0 implante ideal ainda não constitui uma realidade. Os implantes mais utilizados em Ortopedia a Traumatologia são produzidos à partir de ligas metálicas (BREETLE, 1970). Embora os implantes metálicos atendam adequadamente à funções de estabilização óssea o seu uso é associado à corrosão e toxicidade (BLACK,1988). Devido à suposta toxicidade dos implantes metálicos, uma segunda intervenção cirúrgica pare a sua remoção é freqüentemente sugerida, implicando em novos custos hospitalares e riscos ao paciente (SANDERSON, 1992). O implante ideal seria aquele que além de suportar as demandas mecânicas da estabilização da fratura, dispensasse uma segunda intervenção cirúrgica para a sua remoção (BÜSTMAN, 1991 a). Os implantes absorvíveis são uma realidade atual. Como principal vantagem da sue utilização estaria o fato de dispensarem a sue remoção ulterior. Além disso, o fato de sofrerem degradação progressiva durante o processo de consolidação óssea permite a transmissão gradual dos estresses de carga ao osso minimizando, assim, os efeitos do "stress shieiding" (TONING et al, 1976). O major problema relacionado ao uso de implantes absorvíveis está na sua baixa resistência mecânica, limitando o seu uso nas osteossínteses diafisárias (CLAES, 1992). Além disso é relacionado ao uso de implantes absorvíveis uma incidência de até 10% de reações inflamatórias, representadas clinicamente por fístulas assépticas nas incisões cirurgicas (BOSTMAN et al, 1992). Apossibilidade de se trabalhar as moléculas dos polímeros que compõem os implantes absorvíveis abre uma perspectiva bastante ampla no que diz respeito aos potenciais de utilização. O desenvolvimento de técnicas de reforço da matriz polimérica tem possibilitado a aprodução de implantes resistentes o suficinte para as demandas corticais em animais (VAN DER ELST, 1998). A associação de drogas bactericidas à composição do polímero permite vislumbrar o surgimento de implantes ) com múltiplas funções (WEI etal, 1991). O potencial osteogénico dos polímeros absorvíveis é outro aspecto que tem sido bastante pesquisado no âmbito de produzir implantes estabilizadores a osteoindutores (MIYAMOTO, et al, 1993). Os principais polímeros absorvíveis disponíveis comercialmente para uso ortopédico são obtidos mediante importação. O Instituto de Química Analítica e Tecnologia de Polímeros de São Carlos tem se dedicado nos últimos anos à pesquisa de polímeros poliuretanas derivados do óleo da manona (CLARO NETO, 1997). Em nosso trabalho analisamos comparativamente implantes de poliparadioxanona, cujos resultados já são reportados em literatura médica, com implantes de poliuretana da manona (PAPAGELOPOULOS, et ai., 1993). Os nossos objetivos foram os de comparar a eficiência de pinos absorvíveis na fixação de fraturas instáveis. Além disso avaliar o comportamento biológico de cada um dos polímeros estudados quanto à sua bioabsorção a atividade osteogênica. Para dar um substrato ao nossoestudo biológico, procedemos um estudo "in vitro" das propriedades mecânicas dos implantes. Os implantes, medindo em média 1,3mm de diâmetro, foram submetidos a ensaios de cisalhamento em uma máquina universal de ensaios mecânicos do Laboratório de Bioengenharia da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP. Estes ensaios permitiram a realização de gráficos carga X deformação de onde foram calculadas propriedades como carga máxima, carga no limite de proporcionalidade, resiliência e rigidez. A análise comparativa dos dados foi feita mediante o teste "t student não pareado". Os implantes de poliparadioxanona revelaram superioridade mecânica estatisticamente significativa (p<0,05) para todas as propriedades mecânicas avaliadas, exceto a rigidez. Para o estudo do comportamento biológico dos implante, modelo experimental em coelhos foi desenvolvido. ) Realizamos osteotomia do côndilo femoral medial no pino axial, fixando-a com dois pinos absorvíveis de 1,3mm de diâmetro em média. Os animais foram divididos em dois grupos, diferenciados quanto ao polímero utilizado na osteossíntese. Cada grupo foi, então dividido em 3 subgrupos, de acordo com o tempo de sacrifício ocorrido às 3, 6 e 12 semanas de pós-operatório. Procedemos uma análise macroscópica, radiográfica e histológica dos espécimes femurais operados. Ambos os polímeros se mostraram eficientes quanto à fixação das osteotomias Não foram observadas reações inflamatórias ou osteolíticas. Os pinos de poliparadioxanona,entretanto, revelaram um comportamento biológico superior no que diz respeito à bioabsorção dos implantes e à osteogénese nos sítios de implantação Os pinos de poliuretana da mamona não sofreram bioabsorção nos períodos estudados. Para BLASIER et al., 1997 o tempo necessário para que um polímero sofra degradação em sistemas biológicos pode variar de semanas a anos. Deste modo, talvez períodos mais longos de experimentação fossem necessários para observarmos a degradação dos pinos de mamona. Concluímos por julgar os dois polímeros biocompatíveis, uma vez que foram aptos à estabilização óssea a não promoveram reações de toxicidade local do ponto de vista macroscópico a histológico. Acreditamos que a determinação do perfil fisico-químico do polimero da mamona possa ser útil como elemento de triagem par a novos estudos do comportamento biológico. Propriedades como peso molecular e temperatura de transição vítrea podem ajudar a supor o comportamento biológico do polímero (HOLLINGER & BATTISTONE, 1986)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.09.1999

  • Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      KFURI JÚNIOR, Maurício; PACCOLA, Cléber A. J. Comparação entre pinos absorvíveis de poliparadioxanona e de poliuretana da mamona na fixação de segmentos osteocondrais do fêmur distal de coelhos. 1999.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 1999.
    • APA

      Kfuri Júnior, M., & Paccola, C. A. J. (1999). Comparação entre pinos absorvíveis de poliparadioxanona e de poliuretana da mamona na fixação de segmentos osteocondrais do fêmur distal de coelhos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Kfuri Júnior M, Paccola CAJ. Comparação entre pinos absorvíveis de poliparadioxanona e de poliuretana da mamona na fixação de segmentos osteocondrais do fêmur distal de coelhos. 1999 ;
    • Vancouver

      Kfuri Júnior M, Paccola CAJ. Comparação entre pinos absorvíveis de poliparadioxanona e de poliuretana da mamona na fixação de segmentos osteocondrais do fêmur distal de coelhos. 1999 ;


Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021