Exportar registro bibliográfico

Utilização da técnica de reação em cadeia da polimerase (PCR) no diagnóstico laboratorial da tuberculose cutânea (1998)

  • Autores:
  • Autor USP: OGUSKU, MAURICIO MORISHI - ICB
  • Unidade: ICB
  • Sigla do Departamento: BMM
  • Assunto: MICROBIOLOGIA
  • Idioma: Português
  • Resumo: A Tuberculose cutânea (TbC) causada predominantemente pelo Mycobacterium tuberculosis representa aproximadamente 10% de todos os casos de Tuberculose extra-pulmonar. O diagnóstico laboratorial da TbC, a partir de secreções ou biópsias, é baseadonos métodos bacteriológicos, ou seja, o cultivo em meio de Löwenstein-Jensen (Padrão Ouro) e a baciloscopia. A técnica de baciloscopia, embora de rápida execução, possui baixa sensibilidade, com um limite mínimo de detecção de 10.000 bacilos/mLde amostra processada, enquanto o cultivo permite detectar aproximadamente 100 bacilos/mL. Com os avanços na área da Biologia Molecular e a necessidade de métodos de diagnóstico mais rápidos, sensíveis e específicos, muitas patologias puderamser diagnosticadas mais rapidamente, principalmente aquelas causadas por bactérias do gênero Mycobacterium. No presente trabalho realizou-se o estudo da aplicação da técnica da PCR (Reação em Cadeia da Polimerase), como mais um teste alternativopara o diagnóstico da TbC. Após análise estatística dos resultados observou-se associação entre as técnicas de PCR e Cultivo com ´x POT. 2´= 5,3959 e p < 0,05. A sensibilidade atingiu 47,1% e a especificidade foi de 90,9%. Embora a sensibilidadeda PCR tenha sido menor comparada ao cultivo, não está distante daquelas encontradas na literatura. Estes resultados sugerem que para o diagnóstico laboratorial da TbC, a PCR não substitui o cultivo em meio de Löwenstein-Jensen, porémastécnicas utilizadas conjuntamente proporcionarão um diagnóstico com maior rapidez e segurança
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.06.1998

  • Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OGUSKU, Mauricio Morishi; ZAITZ, Clarisse. Utilização da técnica de reação em cadeia da polimerase (PCR) no diagnóstico laboratorial da tuberculose cutânea. 1998.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1998.
    • APA

      Ogusku, M. M., & Zaitz, C. (1998). Utilização da técnica de reação em cadeia da polimerase (PCR) no diagnóstico laboratorial da tuberculose cutânea. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Ogusku MM, Zaitz C. Utilização da técnica de reação em cadeia da polimerase (PCR) no diagnóstico laboratorial da tuberculose cutânea. 1998 ;
    • Vancouver

      Ogusku MM, Zaitz C. Utilização da técnica de reação em cadeia da polimerase (PCR) no diagnóstico laboratorial da tuberculose cutânea. 1998 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021