Exportar registro bibliográfico

Influência do óxido nítrico na cinética e evolução do granuloma experimental (1997)

  • Autores:
  • Autor USP: KREUGER, MARIA REGINA OROFINO - FMVZ
  • Unidade: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VPT
  • Assunto: INFLAMAÇÃO (PATOLOGIA)
  • Idioma: Português
  • Resumo: A atividade microbicida exercida por macrófagos no foco inflamatório tem sido relacionada com a produção de um variado número de citocinas e de reativos intermediários de oxigênio e de nitrogênio, como o óxido nítrico. Considerando-se que a inflamação granulomatosa é predominantemente constituída por macrófagos e células epitelióides, decidimos investigar a participação do NO neste tipo de inflamação. Dois modelos foram utilizados: o de implante de lamínulas de vidro no subcutâneo de camundongos ou, a inoculação de BCG no coxim plantar desses animais. Utilizando reação histoquímica para NO sintase e concentração de citrulina metabolizada por células de lamínulas implantadas por diferentes tempos, pode-se concluir que células epitelióides caracterizadas neste modelo não produzem NO. Células de granulomas induzidos pela inoculação de BCG expressam, em graus variados, NO sintase sendo essa marcação mais intensa, em células da periferia das lesões. A expressão de NO sintase no citoplasma dessas células decresce com a idade das lesões. Demonstramos ainda, que em animais tratados com L-NAME, um inibidor da via do NO, as lesões provocadas pelo BCG perdem seu arranjo granulomatoso, mostram áreas de necrose e aumento significativo no número de bacilos no citoplasma de macrófagos. Esses dados nos levam a concluir que a produção de NO por macrófagos participa da organização do granuloma e controla o crescimento bacteriano em lesões induzidas pelo BCG no camundongo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.08.1997

  • Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      KREUGER, Maria Regina Orofino; MARIANO, Mário. Influência do óxido nítrico na cinética e evolução do granuloma experimental. 1997.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1997.
    • APA

      Kreuger, M. R. O., & Mariano, M. (1997). Influência do óxido nítrico na cinética e evolução do granuloma experimental. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Kreuger MRO, Mariano M. Influência do óxido nítrico na cinética e evolução do granuloma experimental. 1997 ;
    • Vancouver

      Kreuger MRO, Mariano M. Influência do óxido nítrico na cinética e evolução do granuloma experimental. 1997 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2020