Exportar registro bibliográfico

Quando o completo encontrou a falta - um estudo sobre a alteridade entre psicanálise e antropologia (2018)

  • Authors:
  • Autor USP: MENDES, TÁSSIA NOGUEIRA EID - FFCLRP
  • Unidade: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 594
  • Subjects: PSICANÁLISE; ANTROPOLOGIA; ESCUTA PSICANALÍTICA; ETNOGRAFIA; ONTOLOGIA
  • Agências de fomento:
  • Language: Português
  • Abstract: A diferença suscita curiosidade, para dizer o mínimo. Desde a formalização do conhecimento universitário, a sistematização da investigação do humano veio acompanhada de um pertinente inconveniente: trata-se da alteridade entre homens, entre homens e mulheres, entre adultos e crianças, entre civilizados e primitivos, entre os homens e os animais. O endereçamento dessa diferença se deu por diversos ângulos. Escolheu-se ignorá-la, achatá-la, excluí-la e até mesmo demonizá-la. O presente estudo se endereça a esse tema e se dispõe a investigar como antropologia e psicanálise lidaram com o estudo da alteridade. O objetivo do presente trabalho foi o de comparar o movimento psicanalítico e antropológico no seu uso do ontológico como operador para manejar a questão da investigação da alteridade no fazer etnográfico. A justificativa se deu pela ideia, cunhada por George Devereux, de que antropologia e psicanálise, por sua não-redutibilidade uma a outra, aparelham a etnopsicanálise de maneira complementar. Entretando, à diferença da proposta de Devereux, esse texto se guia não pelo desígnio de esquarinhamento de uma cientificidade para o método etnopsicanalítico. Tratou-se, antes, de mostrar como as duas disciplinas manejam a alteridade sem recair no problema do realismo naturalista e da crise da representação dos pós-modernos. Para tanto, escolhemos como recorte o par ontologia-alteridade, que tem aparecido com frequência no contexto acadêmico psicanalítico e antropológico. Ométodo escolhido foi o da leitura psicanalítica. Os resultados são compostos pela análise de quatro etnografias da virada ontológica. Do lado psicanalítico os conceitos de Lacan sobre escuta psicanalítica e o ser sujeito foram analisados. Na discussão mostramos a relação tímida, porém importante, que pode ser traçada entre os métodos etnográficos e o método de escuta psicanalítica
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.06.2018
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MENDES, Tássia Nogueira Eid; BAIRRAO, Jose Francisco Miguel Henriques. Quando o completo encontrou a falta - um estudo sobre a alteridade entre psicanálise e antropologia. 2018.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59142/tde-27082018-152031/ >.
    • APA

      Mendes, T. N. E., & Bairrao, J. F. M. H. (2018). Quando o completo encontrou a falta - um estudo sobre a alteridade entre psicanálise e antropologia. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59142/tde-27082018-152031/
    • NLM

      Mendes TNE, Bairrao JFMH. Quando o completo encontrou a falta - um estudo sobre a alteridade entre psicanálise e antropologia [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59142/tde-27082018-152031/
    • Vancouver

      Mendes TNE, Bairrao JFMH. Quando o completo encontrou a falta - um estudo sobre a alteridade entre psicanálise e antropologia [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59142/tde-27082018-152031/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021