Exportar registro bibliográfico

Receptor do tipo Toll 4 dentre os TLRs de membrana plasmática possui um papel na malignidade de astrocitomas (2018)

  • Authors:
  • Autor USP: MORETTI, ISABELE FATTORI - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MNE
  • Subjects: ASTROCITOMA; GLIOMA; MEMBRANA PLASMÁTICA; PROLIFERAÇÃO CELULAR; INFLAMAÇÃO; LIPOPOLISSACARÍDEOS
  • Keywords: Astrocytoma; Lipopolysaccharides; Nuclear factor - kappa B; Receptores Toll-like; Toll like receptors
  • Language: Português
  • Abstract: Os receptores do tipo Toll (TLRs) são as primeiras proteínas do sistema imune a identificarem distúrbios, reconhecem patógenos como bactérias, fungos e vírus. Como o processo inflamatório possui um importante papel em diversas doenças, os TLRs foram considerados potenciais alvos em estratégias terapêuticas, incluindo o tratamento de câncer. No entanto, o papel dos TLRs permanece ambíguo. Esse estudo teve como objetivos analisar os níveis de expressão dos TLRs presentes em membrana plasmática, TLRs (TLR1, TLR2, TLR4, TLR5, TLR6) em astrocitomas de diferentes graus de malignidade (grau II-IV), tumor mais prevalente do Sistema Nervoso Central (SNC). Nós demonstramos que a expressão dos TLRs foi mais alta em amostras de astrocitomas comparadas com tecido cerebral não-neoplásico, por qRT-PCR. A expressão gênica e proteica foi observada em células de linhagem de glioblastoma (GBM) U87MG e A172, mostrando sua presença em células tumorais. Foi observada expressão associada entre os heterodímeros TLR1- TLR2. Em GBMs, o subtipo mesenquimal mostrou maior nível de expressão dos TLRs comparados aos subtipos clássico e proneural. Com o objetivo de identificar o papel dos TLRs nas células tumorais, foi selecionado dentre os TLRs o que apresentou maior nível de expressão, o TLR4, e realizamos ensaios funcionais estimulando a U87MG com LPS, um agonista natural para TLR4. A taxa de proliferação da célula tratada com LPS foi similar a não tratada. No entanto, foi observado a ativação do NF-kB após 12hrs do estímulo com LPS.Quando a sinalização do receptor foi inibida por um composto químico (VGX-1027), o nível de proliferação da U87MG decaiu. Adicionalmente, análise in silico revelou uma forte associação dos TLRs hiperexpressos com aumento da expressão de genes relacionados à sinalização do ciclo celular, inflamassoma e ripoptossoma. O que sugere serem os TLRs alvos para complementação do tratamento do câncer
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 03.09.2018
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MORETTI, Isabele Fattori; MARIE, Suely Kazue Nagahashi. Receptor do tipo Toll 4 dentre os TLRs de membrana plasmática possui um papel na malignidade de astrocitomas. 2018.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5138/tde-05122018-131346/ >.
    • APA

      Moretti, I. F., & Marie, S. K. N. (2018). Receptor do tipo Toll 4 dentre os TLRs de membrana plasmática possui um papel na malignidade de astrocitomas. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5138/tde-05122018-131346/
    • NLM

      Moretti IF, Marie SKN. Receptor do tipo Toll 4 dentre os TLRs de membrana plasmática possui um papel na malignidade de astrocitomas [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5138/tde-05122018-131346/
    • Vancouver

      Moretti IF, Marie SKN. Receptor do tipo Toll 4 dentre os TLRs de membrana plasmática possui um papel na malignidade de astrocitomas [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5138/tde-05122018-131346/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021