Exportar registro bibliográfico

Validação de kit imunocromatográfico rápido para detecção da doença de Chagas (2018)

  • Authors:
  • Autor USP: PEREIRA, LYGIA BERNARDINO - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: DOENÇA DE CHAGAS; BIOTECNOLOGIA; DIAGNÓSTICO
  • Keywords: Chagas disease; Validation; Rapid immunocromatographic test; Doença de chagas; Validação; Teste imunocromatográfico rápido
  • Language: Português
  • Abstract: A doença de Chagas acomete entre 6 e 7 milhões de pessoas ao redor do mundo e acredita-se que a mesma seja responsável por 10.000 mortes/ano. A disponibilidade limitada de testes sorológicos sensíveis, específicos e rápidos para a doença dificulta o diagnóstico e o início precoce do tratamento em áreas endêmicas e não endêmicas. Neste estudo, realizou-se a validação de um teste imunocromatográfico rápido para detecção de anticorpos anti-T. cruzi da classe IgG (Imuno-Rápido Chagas, WAMA Diagnóstica). O desempenho do kit foi comparado ao de um kit comercial que utiliza a mesma metodologia (Comercial A) e às técnicas de ELISA e imunofluorescência indireta (IFI). Foram testadas 664 amostras de soro, as quais foram classificadas como reagentes e não reagentes considerando os resultados concordantes entre as metodologias de ELISA e IFI. O kit Imuno-Rápido Chagas apresentou sensibilidade de 98,5% e especificidade de 99,7%. Utilizando uma amostragem menor (n = 395), o desempenho desse teste rápido foi comparado ao do kit Comercial A. Nesta análise, o kit Imuno-Rápido Chagas apresentou uma sensibilidade de 98,1% e especificidade de 99,6%, ao passo que os valores de sensibilidade e especificidade encontrados para o kit Comercial A foram 98,7% e 99,6%, respectivamente. Por utilizarem antígenos recombinantes em suas composições e serem realizados em uma única etapa, os testes imunocromatográficos apresentaram sensibilidade inferior aos testes sorológicos convencionais. O kitImuno-Rápido Chagas apresentou sensibilidade inferior ao kit Comercial A, o que pode ser explicado pelo volume menor de amostra utilizado no primeiro kit e pela reatividade do antígeno recombinante impregnado nos testes. Quando comparado com a literatura, nota-se que o kit Imuno-Rápido Chagas apresentou desempenho similar ou superior ao de outros testes rápidos disponíveis no mercado (SÁNCHEZ-CAMARGO et al., 2014). A sensibilidade analítica do teste avaliado foi de 0,235 UI/mL, e o kit mostrou ser mais específico frente a amostras reagentes para leishmaniose tegumentar do que a técnica de IFI. O teste manteve seu bom funcionamento oito meses após sua fabricação e após ter sofrido estresse de temperatura. Os resultados desse estudo sugerem que o kit Imuno-Rápido Chagas é capaz de detectar anticorpos da classe IgG anti-T. cruzi, apresentando valores de sensibilidade e especificidade comparáveis aos de outros testes comerciais. Sendo assim, o kit pode ser utilizado para auxiliar no diagnóstico da fase crônica da doença de Chagas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.07.2018
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PEREIRA, Lygia Bernardino; HADDAD, Simone Kashima. Validação de kit imunocromatográfico rápido para detecção da doença de Chagas. 2018.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17156/tde-13092018-152402/ >.
    • APA

      Pereira, L. B., & Haddad, S. K. (2018). Validação de kit imunocromatográfico rápido para detecção da doença de Chagas. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17156/tde-13092018-152402/
    • NLM

      Pereira LB, Haddad SK. Validação de kit imunocromatográfico rápido para detecção da doença de Chagas [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17156/tde-13092018-152402/
    • Vancouver

      Pereira LB, Haddad SK. Validação de kit imunocromatográfico rápido para detecção da doença de Chagas [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17156/tde-13092018-152402/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021