Exportar registro bibliográfico

Efeito da Adição de teobromina sobre as propriedades do cimento de ionômero de vidro (2018)

  • Authors:
  • Autor USP: CEVALLOS GONZALEZ, FABRICIO MARCELO - FO
  • Unidade: FO
  • Sigla do Departamento: ODD
  • Subjects: PROPRIEDADE; ALCALOIDES
  • Keywords: Alcaloide; Alkaloid; Glass ionomer; Ionómero de Vidro; Properties; Propriedades; Teobromina; Theobromine
  • Language: Português
  • Abstract: A proposta deste trabalho experimental in vitro foi avaliar se a incorporação de 1% - em peso - do alcalóide teobromina (Sigma Aldrich, Darmstadt, Alemanha) ao cimento de ionômero de vidro (CIV) convencional (GC Gold Fuji 9, GC Corp, Japão) tem a capacidade de alterar as propriedades físico-químicas desse material. Para tanto, dois grupos experimentais foram propostos: G1 - CIV convencional e G2 - CIV com adição de teobromina. Foram confeccionados 160 discos de CIV de acordo com as instruções do fabricante, utilizando matrizes circulares. Para analisar as mencionadas propriedades, os discos foram submetidos a testes específicos, de acordo com as normas da International Standard Organization (ISO) para cada uma das propriedades. Discos de 15mmx1mm de diâmetro foram utilizados para as provas de sorção (n=5) e de solubilidade (n=5), com o auxílio de balança analítica, dissecadores e estufa a 23 e 37ºC por várias semanas. O ensaio de microdureza foi realizado em amostras (n=20) de 15mm×1mm submetidas a cinco edentações, com carga de 25 gramas e 30 segundos, à temperatura ambiente. Para a avaliação da cor, discos (n=20) de 15mm×1mm foram submetidos ao espectrofotômetro, adotando-se a guia colorimétrica da Comissão internacional de Iluminação (CIE). No ensaio de resistência flexural, os espécimes (n=60) de 12mm×1mm foram armazenados em estufa a 37ºC durante 24 horas para posterior analise na máquina de ensaios universal. Para avaliar a influência da teobromina adicionada ao CIV naformação de biofilme por Streptococcus mutans,, sobre os corpos da prova (n=40) de 12mm×1mm biofilmes foram desenvolvidos. As cepas de S.mutans foram cultivadas em Tryptic Soy Agar (TSA, Difco) a 37°C. Também a dosagem de flúor foi avaliada, em discos de prova (n=10) armazenados em saliva artificial e submersos em solução TISAB para posterior análise com eletrodo de flúor e obtenção da curva da liberação dessa substância. Os dados obtidos nos testes de sorção e solubilidade, microdureza, cor e resistência flexural foram submetidos à análise de variância ANOVA um fator e ao teste de Tukey para comparação entre os grupos, adotando-se 5% de nível de significância (p0,05). A microdureza aumentou com a adição de teobromina ao CIV (p0,05). A resistência na flexão biaxial diminuiu quando da adição de teobromina ao CIV
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 18.06.2018
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CEVALLOS GONZALEZ, Fabricio Marcelo; MATOS, Adriana Bona. Efeito da Adição de teobromina sobre as propriedades do cimento de ionômero de vidro. 2018.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23134/tde-15082018-100245/ >.
    • APA

      Cevallos Gonzalez, F. M., & Matos, A. B. (2018). Efeito da Adição de teobromina sobre as propriedades do cimento de ionômero de vidro. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23134/tde-15082018-100245/
    • NLM

      Cevallos Gonzalez FM, Matos AB. Efeito da Adição de teobromina sobre as propriedades do cimento de ionômero de vidro [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23134/tde-15082018-100245/
    • Vancouver

      Cevallos Gonzalez FM, Matos AB. Efeito da Adição de teobromina sobre as propriedades do cimento de ionômero de vidro [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23134/tde-15082018-100245/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021