Exportar registro bibliográfico

A percepção do direito à saúde: para explorar formas de organização coletiva (2018)

  • Authors:
  • USP affiliated author: BERNARDES, FERNANDA MENDES - FSP
  • School: FSP
  • Sigla do Departamento: HSP
  • Subjects: CIDADANIA; PARTICIPAÇÃO COMUNITÁRIA; SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE; CONTROLES FORMAIS DA SOCIEDADE; RELAÇÕES INTERORGANIZACIONAIS; OBJETIVOS ORGANIZACIONAIS; ORGANIZAÇÃO SOCIAL; DIREITO À SAÚDE
  • Keywords: Citizenship; Commons Production; Participação Social; Produção do Comum; Sistema Único de Saúde (SUS); Social Participation; Unified Health System (SUS)
  • Language: Português
  • Abstract: O tema da participação social revela diversos desafios perante a necessidade de envolvimento dos sujeitos nas práticas políticas e decisórias no sistema público de saúde brasileiro. É imprescindível entender que a construção histórica e o contexto sócio-político influenciam a expressão e organização de grupos que almejam participar de processos decisórios, bem como o papel que estes ocupam na estrutura das políticas sociais de saúde. Da mesma maneira não se pode desconsiderar elementos como construção da cidadania, solidariedade e interdependência social que são fundamentais para formação do senso de pertencimento. Se por um lado temos alguns mecanismos de participação já institucionalizados e de fato algumas pessoas já participam, por outro ainda é frequente o distanciamento da maioria da população de assuntos políticos. Assim, apesar de estudos afirmarem o declínio da vida cívica e da existência de uma crise da democracia participativa, este projeto buscou identificar desafios e potencialidades que grupos sociais que não se percebem ligados à luta pela saúde, poderiam desenvolver para fortalecer o sistema universal, para produção do comum e para se incorporarem na luta pelo direito à saúde. Para tanto foi realizado um estudo qualitativo, transversal, por meio de narrativas de vivências pessoais e familiares sobre a participação em coletivos, o processo-saúde doença, busca de cuidado, prevenção de doenças e promoção da saúde. As entrevistas foram realizadas com trêsparticipantes de cada um dos seguintes grupos: religioso, de voluntários de uma Organização Não Governamental (ONG), de prática esportiva e relacionado à luta por moradia. O estudo revelou que apesar da vocalização de uma visão ampla de saúde e qualidade de vida, a saúde representada como uma somatória de decisões individuais. Existe uma percepção de que as políticas neoliberais além de comprometerem a qualidade e o investimento no sistema público de saúde afetam as relações sociais - evidenciadas pelo individualismo e pelo papel encolhido do Estado como provedor de bem-estar social. Contraditoriamente a saúde é vista como um direito e como uma responsabilidade do poder público e a participação nos grupos como mecanismo produtor de cooperação, respeito, transformação individual e coletiva, compromisso, pertencimento e como multiplicadora de princípios. As contradições de uma cidadania colocada em prática neste contexto reafirmam a necessidade de uma redefinição do controle social frente a multiplicidade de crenças e de (des) associação social
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.08.2018
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BERNARDES, Fernanda Mendes; AKERMAN, Marco. A percepção do direito à saúde: para explorar formas de organização coletiva. 2018.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6143/tde-27082018-104420/ >.
    • APA

      Bernardes, F. M., & Akerman, M. (2018). A percepção do direito à saúde: para explorar formas de organização coletiva. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6143/tde-27082018-104420/
    • NLM

      Bernardes FM, Akerman M. A percepção do direito à saúde: para explorar formas de organização coletiva [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6143/tde-27082018-104420/
    • Vancouver

      Bernardes FM, Akerman M. A percepção do direito à saúde: para explorar formas de organização coletiva [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6143/tde-27082018-104420/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020