Exportar registro bibliográfico

Viabilização do uso de Bt para o manejo do HLB dos citros via redução da população de Diaphorina citri (2018)

  • Authors:
  • Autor USP: CUNHA, TATIANE DA - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LGN
  • Subjects: GREENING (DOENÇA DE PLANTA); FRUTAS CÍTRICAS; BACTÉRIAS FITOPATOGÊNICAS; INSETOS VETORES
  • Language: Português
  • Abstract: A citricultura se destaca como uma das mais importantes atividades do agronegócio brasileiro, sendo o estado de São Paulo o principal produtor mundial de laranja e o maior exportador de suco concentrado e congelado. O psilídeo dos citros (Diaphorina citri) tornou-se nos últimos anos um dos mais importantes vetores na cultura, devido à transmissão de 'Candidatus Liberibacter asiaticus' e 'Ca. L. americanus', bactérias associadas ao huanglongbing (HLB), principal doença da citricultura atual. Uma vez que não há variedades comerciais de citros resistentes ao HLB, seu manejo é baseado no uso de mudas sadias, erradicação de plantas infectadas e pelo controle químico do vetor. No entanto, o custo elevado e os significativos danos ambientais causados pelos inseticidas químicos, associados à possibilidade da seleção de populações de psilídeos resistentes a esses produtos, têm levado à busca por estratégias alternativas de manejo do vetor do HLB que sejam mais adequadas e sustentáveis. Nosso grupo tem tentado contribuir nesse sentido, com a prospecção e caracterização de estirpes de Bacillus thuringiensis (Bt) patogênicos ao psilídeo. Sendo assim, os objetivos deste estudo foram: (a) Confirmar a capacidade endofítica e a patogenicidade de estirpes de Bt em seedlings e mudas de citros com diferentes combinações de copa/porta-enxerto; (b) Determinar a concentração letal (CL50) necessária para ocasionar mortalidade em populações de D. citri; (c) Estudar a interação entre toxinas Crye receptores de membrana do intestino de ninfas e (d) Avaliar a compatibilidade das estirpes selecionadas com agrotóxicos comumente utilizados na citricultura. Os bioensaios realizados com seedlings e mudas de citros demonstraram que as estirpes de Bt (Cyt1A, Cry2Aa, Cry4A, Cry10, Cry11, S1302, S1450 e S1989) translocaram endofiticamente nas plantas, mantendo sua viabilidade e, em sua maioria, o potencial patogênico para ninfas de D. citri. Para seedlings, os valores de mortalidade passaram de 80% para as estirpes S1302 e S1450. Foram observados esporos e células vegetativas de B. thuringiensis subsp. kurstaki expressando green fluorescent protein (Btk::GFP), visualizados por microscopia de fluorescência, aderidos principalmente aos elementos de vasos e no xilema, obtidas de amostras seccionadas transversal e longitudinalmente, de caule e raiz de seedlings e mudas de laranjeira Pera. A CL50 e CL80 para a estirpe S1302 foi de 4,92 × 104 esporos/mL e 6,63 × 107 esporos/mL, respectivamente. Já para a estirpe S1450, 50% de mortalidade das ninfas testadas foi estimada em 2,19 × 104 esporos/mL, e a CL80 foi de 6,18 × 108 esporos/mL, quando utilizadas suspensões de esporos da bactéria diretamente no substrato de seedlings de laranjeira Pera. Os ensaios de ligação demonstraram que todas as toxinas Cry presentes nas estirpes S1302, S1450 e S1989 (Cry1Aa, Cry1Ab, Cry1Ac, Cry2Aa, Cry2Ab2, Cry1B e Cry11) interagiram com os receptores de membrana intestinal, brush border membranevesicles (BBMV's), obtidos de ninfas de D. citri. Ensaios in vivo evidenciaram que as estirpes S1302 e S1450 mostraram-se compatíveis com todos os agrotóxicos comumente utilizados na citricultura, ainda que os produtos à base de cobre e o inseticida Dimetoato tenham sido deletérios em aplicações diretas na bactéria in vitro. Esses dados evidenciam a possibildade do uso de Bt como bioinseticida no manejo integrado do HLB
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 03.04.2018
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CUNHA, Tatiane da; ASTÚA, Juliana de Freitas; MIRANDA, Marcelo Pedreira de. Viabilização do uso de Bt para o manejo do HLB dos citros via redução da população de Diaphorina citri. 2018.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11138/tde-01082018-182654/ >.
    • APA

      Cunha, T. da, Astúa, J. de F., & Miranda, M. P. de. (2018). Viabilização do uso de Bt para o manejo do HLB dos citros via redução da população de Diaphorina citri. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11138/tde-01082018-182654/
    • NLM

      Cunha T da, Astúa J de F, Miranda MP de. Viabilização do uso de Bt para o manejo do HLB dos citros via redução da população de Diaphorina citri [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11138/tde-01082018-182654/
    • Vancouver

      Cunha T da, Astúa J de F, Miranda MP de. Viabilização do uso de Bt para o manejo do HLB dos citros via redução da população de Diaphorina citri [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11138/tde-01082018-182654/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021