Exportar registro bibliográfico


Metrics:

Perfil dos docentes e do conteúdo de disciplinas de Fisioterapia em Saúde da Mulher ministradas em Instituições de Ensino Superior (IES) públicas no Brasil (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: FERREIRA, CRISTINE HOMSI JORGE - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • DOI: 10.1590/1809-2950/17495424022017
  • Subjects: FISIOTERAPIA; SAÚDE DA MULHER; ESTUDOS TRANSVERSAIS
  • Keywords: Docentes
  • Agências de fomento:
  • Language: Português
  • Abstract: Fue realizado un estudio transversal descritivo en que se evaluó el perfil de los docentes y el contenido impartido en asignaturas de Fisioterapia en Salud de la Mujer en Instituciones de Educación Superior (IES) públicas de Brasil. Docentes de la área de Fisioterapia en Salud de la Mujer o áreas asociadas de instituciones públicas brasileñas fueron invitados a llenar un cuestionario estructurado con cuestiones sobre datos personales, formación académica, actuación profesional y contenido programático de la asignatura. Los datos fueron analizados de forma descritiva en el Programa SAS, siendo que participaron 51 docentes, de 44 cursos de Fisioterapia, de los cuales la mayoría es del sexo femenino, con media de edad de 39,6±7,4 años. La mayor parte de los docentes realizan actividades de investigación, enseñanza y extensión y posseen maestría y doctorado, mas sólo 25,5% estan acreditados en programas de posgrado stricto sensu. Todos los cursos ofrecen por lo menos una asignatura obligatoria y en 54,6% de los cursos es ofrecida pasantía obligatoria en la área de Fisioterapia en Salud de la Mujer. Los contenidos impartidos y escenarios de práctica son diversificados, así como el nombre de las asignaturas y pasantías. En la mayor parte de los cursos, los alumnos aprenden a realizar la palpación vaginal en la pasantía y las habilidades prácticas son entrenadas de modo diversificado y en variados escenarios de práctica. El nombre de las asignaturas son variados, así como la forma de entrenamiento de las habilidades prácticas impartidasFoi realizado um estudo transversal descritivo em que se avaliou o perfil dos docentes e o conteúdo ministrado em disciplinas de Fisioterapia em Saúde da Mulher em Instituições de Ensino Superior (IES) públicas do Brasil. Docentes da área de Fisioterapia em Saúde da Mulher ou áreas afins de instituições públicas brasileiras foram convidados a preencher um questionário estruturado, contendo questões sobre dados pessoais, formação acadêmica, atuação profissional e conteúdo programático da disciplina. Os dados foram analisados de forma descritiva no Programa SAS, sendo que participaram 51 docentes, de 44 cursos de Fisioterapia, dos quais a maioria é do sexo feminino, com média de idade de 39,6±7,4 anos. A maior parte dos docentes realizam atividades de pesquisa, ensino e extensão e possuem mestrado e doutorado, mas apenas 25,5% estão credenciados em programas de pós-graduação stricto sensu. Todos os cursos oferecem pelo menos uma disciplina obrigatória e em 54,6% dos cursos é oferecido estágio obrigatório na área de Fisioterapia em Saúde da Mulher. Os conteúdos ministrados e cenários de prática são diversificados, assim como o nome das disciplinas e estágios. Na maior parte dos cursos, os alunos aprendem a realizar a palpação vaginal no estágio e as habilidades práticas são treinadas de modo diversificado e em variados cenários de prática. O nome das disciplinas são variados, assim como a forma de treinamento das habilidades práticas ministradas
  • Imprenta:
  • Source:
  • Acesso à fonteDOI
    Informações sobre o DOI: 10.1590/1809-2950/17495424022017 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold
    • Licença: cc-by

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DRIUSSO, Patricia; RETT, Mariana Tirolli; MEIRELLES, Maria Cristina Cortez Carneiro; et al. Perfil dos docentes e do conteúdo de disciplinas de Fisioterapia em Saúde da Mulher ministradas em Instituições de Ensino Superior (IES) públicas no Brasil. Fisioterapia e Pesquisa, São Paulo, v. 24, n. 2, p. 211-217, 2017. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.1590/1809-2950/17495424022017 > DOI: 10.1590/1809-2950/17495424022017.
    • APA

      Driusso, P., Rett, M. T., Meirelles, M. C. C. C., Saldanha, M. E. S., Zanetti, M. R. D., & Ferreira, C. H. J. (2017). Perfil dos docentes e do conteúdo de disciplinas de Fisioterapia em Saúde da Mulher ministradas em Instituições de Ensino Superior (IES) públicas no Brasil. Fisioterapia e Pesquisa, 24( 2), 211-217. doi:10.1590/1809-2950/17495424022017
    • NLM

      Driusso P, Rett MT, Meirelles MCCC, Saldanha MES, Zanetti MRD, Ferreira CHJ. Perfil dos docentes e do conteúdo de disciplinas de Fisioterapia em Saúde da Mulher ministradas em Instituições de Ensino Superior (IES) públicas no Brasil [Internet]. Fisioterapia e Pesquisa. 2017 ; 24( 2): 211-217.Available from: http://dx.doi.org/10.1590/1809-2950/17495424022017
    • Vancouver

      Driusso P, Rett MT, Meirelles MCCC, Saldanha MES, Zanetti MRD, Ferreira CHJ. Perfil dos docentes e do conteúdo de disciplinas de Fisioterapia em Saúde da Mulher ministradas em Instituições de Ensino Superior (IES) públicas no Brasil [Internet]. Fisioterapia e Pesquisa. 2017 ; 24( 2): 211-217.Available from: http://dx.doi.org/10.1590/1809-2950/17495424022017

    Referências citadas na obra
    Ano: 2002
    Ano: 1969
    Autor: Rebelatto JR
    Ano: 1999
    Ano: 1978
    Autor: Dumoulin C
    Título: Pelvic floor muscle training versus no treatment, or inactive control treatments, for urinary incontinence in women a short version Cochrane systematic review with meta-analysis
    Título do periódico: Cochrane Database Syst Rev
    Volume: 34
    Fascículo: 4
    Primeira página: 300
    Ano: 2015
    Autor: Boyle R
    Título: Pelvic floor muscle training for prevention and treatment of urinary and faecal incontinence in antenatal and postnatal women
    Título do periódico: Cochrane Database Syst Rev
    Volume: 10
    Primeira página: CD007471
    Ano: 2012
    Autor: Gupta JK
    Título: Position in the second stage of labour for women without epidural anaesthesia
    Título do periódico: Cochrane Database Syst Rev
    Volume: 16
    Fascículo: 5
    Primeira página: CD002006
    Ano: 2012
    Autor: Beckmann MM
    Título: Antenatal perineal massage for reducing perineal trauma
    Título do periódico: Cochrane Database Syst Rev
    Volume: 30
    Fascículo: 4
    Primeira página: CD005123
    Ano: 2013
    Autor: Leal MC
    Ano: 2014
    Ano: 2015
    Ano: 2016
    Autor: Bavaresco GZ
    Título: The physiotherapist as a professional to assist pregnant women
    Título do periódico: Ciênc Saúde Coletiva
    Volume: 16
    Fascículo: 7
    Primeira página: 3259
    Ano: 2011
    Autor: Sinkim P
    Título: Update on nonpharmacologic approaches to relieve labor pain and prevent suffering
    Título do periódico: J Midwifery Womens Health
    Volume: 49
    Fascículo: 6
    Primeira página: 489
    Ano: 2004
    DOI: 10.1016/j.jmwh.2004.07.007
    Autor: Lemos A
    Ano: 2014
    Autor: Mafetoni RR
    Título: Métodos não farmacológicos para alívio da dor no trabalho de parto revisão integrativa
    Título do periódico: Rev Min Enferm
    Volume: 18
    Fascículo: 2
    Primeira página: 505
    Ano: 2014
    Autor: Chaillet N
    Título: Nonpharmacologic approaches for pain management during labor compared with usual care a meta-analysis
    Título do periódico: Birth
    Volume: 1
    Fascículo: 2
    Primeira página: 122
    Ano: 2014
    DOI: 10.1111/birt.12103

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021