Exportar registro bibliográfico

Avaliação da condição de saúde bucal e o impacto na qualidade de vida de pacientes com doença renal crônica (2018)

  • Authors:
  • Autor USP: MACIEL, ALOIZIO PREMOLI - FOB
  • Unidade: FOB
  • Sigla do Departamento: BAE
  • Subjects: SAÚDE BUCAL; QUALIDADE DE VIDA; PACIENTES; NEFROPATIAS; RIM; INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA; MANIFESTAÇÕES BUCAIS
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivos: Avaliar a saúde bucal e o seu impacto na qualidade de vida e indivíduos com doença renal crônica. Material e Métodos: Avaliamos um grupo de indivíduos com doença renal crônica sob hemodiálise e outro sem doença renal crônica, cada grupo com 100 participantes. Realizou-se avaliação odontológica e mensuração de índices de dentes cariados, perdidos e obturados, de edentulismo, sangramento gengival, placa dentária e o periodontal comunitário. Foi realizado sialometria mecanicamente estimulada e não estimulada para classificar a hipossalivação. Foi utilizado um questionário que avalia o impacto da saúde bucal na qualidade de vida, o OHIP-14, e outro que avalia o impacto negativo da qualidade de vida geral, o SF-36. Resultados: A xerostomia, disfagia, disgeusia, ardor bucal e dor bucal apresentaram prevalência significativa no grupo sob hemodiálise. As alterações bucais com prevalência significativa no grupo sob hemodiálise foram a saburra lingual, palidez da mucosa bucal, ressecamento bucal e labial, língua despapilada, candidíase bucal, abscessos periodontais agudos, halitose, língua fissurada e queilite actínica. A hipossalivação também foi mais prevalente no grupo sob hemodiálise. Os indivíduos com doença renal crônica demonstraram pior condição dentária e periodontal, e maior necessidade de uso de prótese dentária. Foi constatado um maior impacto mensurado pelo OHIP-14 total e na dimensão de limitação funcional no grupo sob hemodiálise. O impacto mensurado pelo SF-36 também foi mais significativo no grupo sob hemodiálise, porém foi expressivo em 7/8 domínios. A inflamação gengival e a necessidade de uso de prótese dentária foram correlacionados a maiores índices do OHIP-14 no grupo sob hemodiálise.A disgeusia, disfagia e ardor bucal foram associados ao aumento do OHIP-14 total e nas dimensões de limitação funcional, dor, desconforto psicológico, incapacidade física, psicológica e social deste mesmo questionário. A dor bucal foi correlacionada com o aumento do impacto da saúde bucal na qualidade de vida total e nas dimensões dor física, incapacidade social e desconforto psicológico. A única alteração bucal associada ao aumento do impacto mensurado pelo OHIP-14 foi o ressecamento labial que impactou na dimensão de incapacidade social. Diferentemente, o aumento do impacto mensurado pelo SF-36 foi associado à prevalência de candidíase eritematosa, saburra lingual, abscesso periodontal, ressecamento labial e língua fissurada, impactando negativamente domínios de capacidade funcional, vitalidade, aspectos sociais e mentais e saúde mental. Todas as dimensões mensuradas pelo OHIP-14 correlacionam-se com os domínios avaliados pelo SF-36, com exceção da capacidade funcional nos indivíduos sob hemodiálise. Conclusão: As manifestações bucais, juntamente com maiores índices de inflamação gengival e de necessidade de uso de prótese dentária foram correlacionadas e associadas com a piora na qualidade de vida no grupo com doença renal crônica, porém as queixas bucais pioraram diretamente a qualidade de vida relacionada com a boca e as lesões pioraram especificamente a qualidade de vida geral. As complicações bucais e sistêmicas que a doença renal crônica proporciona pioram a qualidade de vida através da saúde bucal e da saúde geral simultaneamente durante a realização de hemodiálise.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.03.2018
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MACIEL, Aloizio Premoli; SANTOS, Paulo Sérgio da Silva. Avaliação da condição de saúde bucal e o impacto na qualidade de vida de pacientes com doença renal crônica. 2018.Universidade de São Paulo, Bauru, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25149/tde-13072018-102851/publico/AloizioPremoliMaciel_Rev.pdf >.
    • APA

      Maciel, A. P., & Santos, P. S. da S. (2018). Avaliação da condição de saúde bucal e o impacto na qualidade de vida de pacientes com doença renal crônica. Universidade de São Paulo, Bauru. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25149/tde-13072018-102851/publico/AloizioPremoliMaciel_Rev.pdf
    • NLM

      Maciel AP, Santos PS da S. Avaliação da condição de saúde bucal e o impacto na qualidade de vida de pacientes com doença renal crônica [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25149/tde-13072018-102851/publico/AloizioPremoliMaciel_Rev.pdf
    • Vancouver

      Maciel AP, Santos PS da S. Avaliação da condição de saúde bucal e o impacto na qualidade de vida de pacientes com doença renal crônica [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25149/tde-13072018-102851/publico/AloizioPremoliMaciel_Rev.pdf


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020