Exportar registro bibliográfico

Marcadores inflamatórios em pacientes com neoplasia gástrica: níveis sanguíneos e expressão gênica (2018)

  • Authors:
  • Autor USP: RIBEIRO, SOFIA MIRANDA DE FIGUEIREDO - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: NEOPLASIAS GÁSTRICAS; EXPRESSÃO GÊNICA; CITOCINAS; INFLAMAÇÃO; ESTADO NUTRICIONAL; QUIMIOTERAPIA
  • Keywords: Chemotherapy; Citocinas; Cytokines; Estado nutricional; Expressão gênica; Gene expression; Inflamação; Inflammation; Neoplasia gástrica; Nutritional status; Quimioterapia; Stomach neoplasms
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: O câncer gástrico tem alta incidência. Seu quadro clínico é silencioso e sua malignidade é alta, o que tornam seu prognóstico reservado. A inflamação tem papel fundamental no desenvolvimento e na progressão da doença neoplásica, induzida por citocinas inflamatórias produzidas pelo tumor e/ou liberadas pelo sistema imune. Nos últimos anos, tem sido documentada a variabilidade na expressão gênica de citocinas inflamatórias na doença neoplásica. Objetivos: Em amostras de sangue periférico de pacientes com neoplasia gástrica, avaliar a concentração do fator de necrose tumoral alfa (TNF-α), dos receptores solúveis tipo IA e 1B do fator de necrose tumoral (TNFR1A e TNFR1B), da interleucina 6 (IL-6), da interleucina 1 beta (IL-1β), do receptor solúvel da interleucina 1 (IL-1R), do interferon-gama (INF- y) e interleucina 10 (IL-10), além da expressão gênica dessas citocinas, da zinco-alfa2-glicoproteina (ZAG) e do receptor ativado por proliferador de peroxissoma gama (PPAR-γ). Além disso, o estudo visou identificar possíveis diferenças nos dados avaliados entre os pacientes que foram ou não submetidos à quimioterapia neoadjuvante. Casuística: O estudo transversal foi conduzido com 25 pacientes (Grupo Cancer) com adenocarcinoma gástrico. Numa etapa posterior, esses sujeitos foram subdivididos em Subgrupos Sem-quimioterapia (n= 15) e Subgrupo Quimioterapia (n= 10). Todos os voluntários estavam no período pré-operatório. O estudo incluiu também 15 pacientes em pré-operatório imediato de herniorrafia eletiva (Grupo Controle). Métodos: A avaliação da ingestão, o estado clínico e nutricional foram avaliados, além das dosagens de citocinas TNF-α, IL-6, IL-1,B, INF-y, IL-10, de receptoressolúveis TNF1A, TNF1B e IL-1R. Determinou-se a expressão do RNAm do TNF-α, IL-6, INF-y, IL-10, de receptores solúveis TNFRIA, TNFRIB, IL-IR, da ZAG e do PPAR-yno sangue total. O teste de Mann-Whitney foi utilizado para comparar grupos e subgrupos de pacientes. Resultados: Os pacientes do Grupo Cancer apresentaram menor ingestão de proteínas, vitamina B¹², ferro e zinco em relação aos controles, assim como valores mais baixos de massa livre de gordura. Perda de peso maior que 10% foi documentada em 32% dos pacientes com adenocarcinoma gástrico. Em relação ao Grupo Controle, o Grupo Cancer apresentou menores valores séricos de proteínas totais, ferro, zinco, vitamina A e E, além de maiores níveis de proteína C-reativa. As concentrações séricas de TNF-α, TNFR1A, TNFR1B, IL-6, IL-1β e IL-10 foram maiores no Grupo Cancer em relação aos controles. A comparação entre subgrupos mostrou que a concentração sérica de IL-10 foi maior no Subgrupo Quimioterapia. A expressão do RNAm de TNFR1A, INF-y IL-10 e PPAR-y em sangue total foi maior bo Grupo Cancer em relação ao Grupo Controle. Não foram observadas alterações na concentração sérica de IL-1R, assim como na expressão do RNAm de IL-1R e de ZAG em sangue total nos grupos e subgrupos do estudo. Conclusões: As alterações na ingestão alimentar, na composição corporal e nos marcadoresbioquímicas de resposta inflamatória sistêmica foram evidentes em pacientes com cancer gástrico, além do aumento nos níveis séricos de TNF-α, TNFR1A, TNFR1B, IL-6, IL1,B e IL-10 e na expressão do RNAm de TNFRIA, INF-y IL-10 e PPAR-y em sangue total. Exceto pelos valores séricos mais elevados de IL-10, a quimioterapia não resultou em mudanças na concentração sérica e na expressão de RNAm das citocinas inflamatórias avaliadas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.03.2018
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      RIBEIRO, Sofia Miranda de Figueiredo; CUNHA, Selma Freire Carvalho. Marcadores inflamatórios em pacientes com neoplasia gástrica: níveis sanguíneos e expressão gênica. 2018.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17138/tde-20072018-101811/ >.
    • APA

      Ribeiro, S. M. de F., & Cunha, S. F. C. (2018). Marcadores inflamatórios em pacientes com neoplasia gástrica: níveis sanguíneos e expressão gênica. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17138/tde-20072018-101811/
    • NLM

      Ribeiro SM de F, Cunha SFC. Marcadores inflamatórios em pacientes com neoplasia gástrica: níveis sanguíneos e expressão gênica [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17138/tde-20072018-101811/
    • Vancouver

      Ribeiro SM de F, Cunha SFC. Marcadores inflamatórios em pacientes com neoplasia gástrica: níveis sanguíneos e expressão gênica [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17138/tde-20072018-101811/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021