Exportar registro bibliográfico

Mestrado profissional em saúde: interações estabelecidas entre centro de pesquisa e unidades de trabalho (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: TRIGO, FERNANDO ROSSI - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: EDUCAÇÃO EM SAÚDE; ENSINO SUPERIOR; PÓS-GRADUAÇÃO; MESTRADO PROFISSIONAL
  • Keywords: Educação Superior; Egress Student; Egresso; Evaluation Model; Higher Education; Mestrado Profissional; Modelo de Avaliação; Postgraduate Program; Professional Master; Programa de Pós-Graduação
  • Language: Português
  • Abstract: O sistema de pós-graduação trouxe contribuições para as universidades, principalmente no âmbito da melhoria da qualidade do ensino e da produção de conhecimento. Implantada na década de 60, com o propósito de qualificar profissionais, maioria docentes da própria universidade, visava a ampliar sua formação para a pesquisa e, consequentemente, incentivar a produção de conhecimento. Neste movimento, docência e pesquisa foram fortalecidos. Ao final da década de 90, a CAPES reconhece o Mestrado Profissional - stricto seroso - como modalidade de pós-graduação. Com foco nos profissionais atuantes no mercado de trabalho, propõe sua aproximação com a pesquisa, com o compromisso de alcançar e modificar o ambiente de trabalho. Paralelamente, em 1990, é fundado o Hemocentro do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. Com proposta inicial de assistência e atendimento ao público, este centro de saúde conviveu com a pesquisa realizada na academia, possibilitando conciliar a produção de conhecimento com a prática desenvolvida em sua rotina. Em 2012, inaugura o mestrado profissional em Hemoterapia e Biotecnologia, com o objetivo de formar e qualificar profissionais desta área. Neste trabalho, objetivou-se estudar este programa, com a proposta de investigar os mecanismos de interação estabelecidos entre o centro de pesquisa e as unidades de trabalho parceiras, a partir da perspectiva dos egressos (1ª e 2ª turmas). Por ter um caráter exploratórioe inicial, buscou-se trabalhar com indicadores exclusivos da modalidade profissional, permitindo fortalecer o acompanhamento e avaliação do programa oferecido, principalmente àqueles relacionados à aplicabilidade dos projetos e o impacto do curso realizado para a atuação profissional do egresso. Dessa forma, o presente trabalho é um estudo exploratório-descritivo com abordagens quantitativas e qualitativas, com seis tópicos principais de investigação: o programa oferecido; os projetos de pesquisa realizados; as produções intelectuais; os desdobramentos da convivência em grupo de profissionais de diferentes estados brasileiros; as contribuições do orientador para o desenvolvimento dos projetos de pesquisa e as contribuições decorrentes da aproximação dos alunos com a pesquisa. Com característica de formação específica e direcionada, com possibilidade de reunir profissionais da área da Hemoterapia de nove regiões do Brasil, o programa tem permitido alcançar objetivos previstos na modalidade profissional (stricto sensu) e almejados pelo projeto de criação de 2011. Parte destes resultados deve-se principalmente a três mecanismos de interação identificados: o projeto de pesquisa, a convivência em grupo de profissionais e oorientador, cada um com contribuições especificas para o processo de formação e aprendizagem dos alunos, permitindo alcançar mudanças nas unidades de trabalho e nas condutas e competências profissionais. Essa primeira caracterização da proposta permite criar um ponto de comparação para o programa recém implantando e que passara por sua primeira avaliação quadrienal em 2017. Dificuldades e limitações também foram diagnosticadas e necessitam ser revistas, reestruturadas e trabalhadas, como o conteúdo pratico do curso, o quadro de profissionais técnico-administrativos e o tempo de titulação, com media de 35,4 meses, que exige reflexão. O acompanhamento regular dos egressos e a criação de uma plataforma continua de construção de dados, permitira intervir e ajustar o programa, possibilitando perceber fases de amadurecimento e crescimento, com especial atenção aos indicadores relacionados a modalidade profissional
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.12.2017
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TRIGO, Fernando Rossi; RODRIGUES, Rodrigo do Tocantins Calado De Saloma. Mestrado profissional em saúde: interações estabelecidas entre centro de pesquisa e unidades de trabalho. 2017.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17156/tde-12042018-111852/ >.
    • APA

      Trigo, F. R., & Rodrigues, R. do T. C. D. S. (2017). Mestrado profissional em saúde: interações estabelecidas entre centro de pesquisa e unidades de trabalho. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17156/tde-12042018-111852/
    • NLM

      Trigo FR, Rodrigues R do TCDS. Mestrado profissional em saúde: interações estabelecidas entre centro de pesquisa e unidades de trabalho [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17156/tde-12042018-111852/
    • Vancouver

      Trigo FR, Rodrigues R do TCDS. Mestrado profissional em saúde: interações estabelecidas entre centro de pesquisa e unidades de trabalho [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17156/tde-12042018-111852/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021