Exportar registro bibliográfico

Recuperação de magnésio do licor de lixiviação de minério limonítico por cristalização (2018)

  • Authors:
  • USP affiliated author: WANDERLEY, KRISTINE BRUCE - EP
  • School: EP
  • Sigla do Departamento: PQI
  • Subjects: CRISTALIZAÇÃO; SOLUBILIDADE; LIXIVIAÇÃO
  • Language: Português
  • Abstract: No processo de obtenção de níquel de fontes de minério limonita, a lixiviação ácida do minério resulta na dissolução de íons metálicos em uma solução aquosa. Com o uso da tecnologia apropriada, é possível recuperar esses íons metálicos em vez de descartá-los. O presente estudo tem como objetivo a recuperação de magnésio de uma solução contendo íons magnésio e sulfato utilizando-se a técnica da cristalização a alta temperatura. A aplicação da cristalização a alta temperatura para recuperar o magnésio na forma de sulfato de magnésio hidratado pode ser vantajosa uma vez que sua decomposição térmica resulta em MgO e SO2, produtos que podem ser reutilizados no processo de mineração da limonita. Isso reduz o volume de resíduo formado e custo de reagentes no processo. Foi projetado um sistema de cristalizador acoplado a filtração e foi verificado a influência da temperatura, tempo de residência e pH da solução na quantidade de magnésio cristalizado. A solução residual de cada batelada foi analisada por cromatografia de íons para quantificar o magnésio na solução. Os cristais formados foram analisados utilizando-se a técnica de difração de raios-X (DRX), por microscopia eletrônica de varredura (MEV-EDS) e agitamento de peneiras a fim de avaliar a composição química, morfologia e granulometria dos cristais. A solubilidade do sulfato de magnésio foi determinada experimentalmente com o intuito de ampliar a compreensão da solubilidade do sal e obter valores de Kps. Em 5 horas de tempo de residência o sistema foi estabilizado, indicando que não haverá mais crescimento cristalino em tempos de residência maiores que 5 horas. Em pH 5,7 a 230°C e em 5 horas de tempo de residência ocorreu a maior remoção de magnésio com cerca de 81% cristalizado. Os cristais apresentaram morfologia esférica com exceção do cristal obtido a230 °C em pH 2, que apresentou formato retangular. A análise por DRX mostrou a presença de um produto constituído majoritariamente por sulfato de magnésio monohidratado.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.03.2018
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      WANDERLEY, Kristine Bruce; TENÓRIO, Jorge Alberto Soares. Recuperação de magnésio do licor de lixiviação de minério limonítico por cristalização. 2018.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3137/tde-23052018-084841/pt-br.php >.
    • APA

      Wanderley, K. B., & Tenório, J. A. S. (2018). Recuperação de magnésio do licor de lixiviação de minério limonítico por cristalização. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3137/tde-23052018-084841/pt-br.php
    • NLM

      Wanderley KB, Tenório JAS. Recuperação de magnésio do licor de lixiviação de minério limonítico por cristalização [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3137/tde-23052018-084841/pt-br.php
    • Vancouver

      Wanderley KB, Tenório JAS. Recuperação de magnésio do licor de lixiviação de minério limonítico por cristalização [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3137/tde-23052018-084841/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2022