Exportar registro bibliográfico

O que pensam os professores de ciências sobre a profissão docente: concepções e motivações na formação do professor (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated author: SANTOS, RENATA HARUMI MUNIZ DOS - ENSINO CIÊNCIAS
  • School: ENSINO CIÊNCIAS
  • Subjects: BIOLOGIA; FORMAÇÃO DE PROFESSORES; MOTIVAÇÃO; CIÊNCIA
  • Language: Português
  • Abstract: Garantir que todas as crianças tenham acesso à educação escolar de qualidade é uma das maiores preocupações no atual cenário social, político e cultural do nosso país. Para que esse objetivo seja atingido, é preciso formar professores bem preparados, capazes de se envolver e participar da formação cultural e cidadã dos alunos. Apesar da importância social do papel do professor, a carreira é pouco atrativa devido a fatores como baixos salários, péssimas condições de trabalho, dentre outros. No entanto, mesmo diante dessa perspectiva desanimadora, existem estudantes que desejam se tornar professores. Na presente pesquisa foram analisados os diálogos de um grupo de estudantes de um curso de Licenciatura em Ciências da Natureza da escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo durante uma sessão de grupo focal com o objetivo de identificar alguns dos motivos que os levaram a escolher a profissão docente. As respostas e os diálogos forneceram um rico material para nos aproximar do que pensam estes professores em formação inicial. Inicialmente, elaboramos um questionário para identificar alunos que possuíam o desejo de se tornar professores. O questionário foi respondido por diversos alunos do curso de Licenciatura em Ciências da Natureza. Sete estudantes que expressaram a vontade em seguir a carreira docente foram convidados a participar de um grupo focal. A discussão foi gravada e posteriormente transcrita para análise de dados, que se deu através da análise textual discursiva. Durante o estudo, emergiram nove categorias, que possuíam algumas características em comum. Assim, elas foram agrupadas no que denominamos de domínios: o Individual e o Social.As categorias emergentes do domínio Individual são: reconhecimento - desejo de ser admirado pelos outros; vocação - crença que se possui uma aptidão nata; admiração pela docência - apreço pela profissão; conhecimento - gosto pelo aprendizado; e relação ético/afetiva - prazer na relação com o aluno. As categorias do domínio Social são: relação ético/transformadora - possibilitar que o aluno mude sua própria realidade; política - comprometimento em lutar por uma educação de qualidade e engajar os alunos nas questões políticas; importância para a sociedade - reconhecimento do caráter essencial da profissão em relação a formação de todos os cidadãos; e transformação - potencial de transformar a sociedade. As categorias foram organizadas partindo da mais íntima e pessoal para a mais abrangente e coletiva. Depois, traçamos um paralelo entre as categorias e as regulações do contínuo de motivação da Teoria da Autodeterminação. Concluímos que os licenciandos em Ciências da Natureza que desejam se tornar professores podem possuir diversas regulações que os motivam. Essas regulações podem ser muito individuais ou compreender razões que envolvam o coletivo. A análise dos dados e do estudo dos referenciais teóricos aponta para uma crise de sentido no papel do professor. Os alunos compreendem a importância do professor, entretanto apontam muitos aspectos negativos da carreira. É necessário oferecer melhores salários e condições de trabalho, além de proporcionar uma formação inicial e continuada de qualidade. Assim, é possível aumentar a atratividade da profissão e formar cada vez mais professores comprometidos e empenhados na formação de uma sociedade mais justa e democrática.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.02.2017
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANTOS, Renata Harumi Muniz dos; INFANTE-MALACHIAS, Maria Elena. O que pensam os professores de ciências sobre a profissão docente: concepções e motivações na formação do professor. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/81/81133/tde-05072018-125731/pt-br.php >.
    • APA

      Santos, R. H. M. dos, & Infante-Malachias, M. E. (2017). O que pensam os professores de ciências sobre a profissão docente: concepções e motivações na formação do professor. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/81/81133/tde-05072018-125731/pt-br.php
    • NLM

      Santos RHM dos, Infante-Malachias ME. O que pensam os professores de ciências sobre a profissão docente: concepções e motivações na formação do professor [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/81/81133/tde-05072018-125731/pt-br.php
    • Vancouver

      Santos RHM dos, Infante-Malachias ME. O que pensam os professores de ciências sobre a profissão docente: concepções e motivações na formação do professor [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/81/81133/tde-05072018-125731/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2022