Exportar registro bibliográfico

Atributos químicos, microbiológicos e emissões de CO2, CH4 e N2O do solo em experimento de corte e queima controlada na Amazônia Ocidental (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: FRADE JUNIOR, ELIZIO FERREIRA - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LSO
  • Subjects: CORTE (PLANTAS); DESMATAMENTO; EFEITO ESTUFA; FLORESTAS; GASES; MICROBIOLOGIA DO SOLO; QUEIMADA; SOLO FLORESTAL
  • Language: Português
  • Abstract: Nas últimas décadas as mudanças climáticas foram evidenciadas pelo aumento da temperatura global, diminuição dos estoques de carbono terrestres, associados ao aumento nas emissões de gases de efeito estufa (GEE). A floresta Amazônica é o maior bioma tropical do mundo e desenvolve serviços ambientais estratégicos no planeta. Entretanto, há mais de duas décadas que o desmatamento na Amazônia impulsiona as emissões globais de GEE, diminuindo o armazenamento de carbono do solo com alterações na dinâmica nas populações microbianas e nos ciclos biogeoquimicos pela mudança de uso da terra. O objetivo desse estudo foi avaliar as alterações temporais dos atributos químicos do solo, quantificar as emissões de CO2, CH4 e N2O e verificar as alterações na estrutura bacteriana do solo após o corte e queima de vegetação nativa na Amazônia. O estudo foi desenvolvido em área de vegetação nativa no norte do estado de Rondônia, região sul da Amazônia no Brasil. A área de estudo consistiu-se de quatro hectares, onde foi realizado o corte e queima em 2,25 hectares. Foram realizadas amostragens para avaliação da fertilidade do solo e estoques de carbono (C) e nitrogenio (N) nas profundidades de 0-5, 5-10, 10-15, 15-20, 20-30, 30-40, 40-50, 50-60, 60-80 e 80-100 cm. As coletas foram realizadas em vegetação nativa e aos 2, 30, 60, 90, 120, 240 e 365 dias após corte e queima. Foram determinados os atributos pH, Al, H+Al, Ca, Mg, K, P, C, N e calculados os valores de soma de bases, CTC, V % e m %. Ascoletas para quantificar as emissões dos GEE foram realizadas simultaneamente na área de vegetação nativa e no hectare central da área de corte e queima aos 19, 31, 48, 61 e 81 dias após corte e 2 , 4, 6, 8, 15, 31, 45, 61, 88, 122, 153, 180, 240 e 350 dias após queima, com amostragens aos 0, 20, 40 e 60 minutos. Os atributos microbiológicos do solo foram avaliados pela técnica de T-RFLP com amostragens realizadas simultaneas nas duas áreas, aos 32 e 62 dias após o corte e aos 2, 15, 30, 45, 60, 90, 120, e 360 dias após queima da biomassa vegetal. Foi verificado rápido aumento da fertilidade do solo e diminuição da acidez e teores de Al+3 após a queima, entretanto esse efeito foi pouco persistente, retornando ao status inicial do solo após um ano. Houve redução de 30 % nos estoques de C e N do solo no final do estudo, evidenciando os efeitos deletérios da mudança do uso da terra nos atributos químicos do solo. Foi registrado redução de 50 % das emissões de CO2 equivalente após o corte, comparada à vegetação nativa e reduções nas emissões de GEE de 35 % após um ano de estudo. Verificou-se na camada superficial, alterações significativas na estrutura da comunidade bacateriana do solo em decorrência do impacto do fogo e das alterações nos atributos químicos em função da deposição superficial de cinzas no solo, entretanto não foi verificada alterações significativa nas camadas abaixo de 5 cm. Este estudo forneceu importantes informações para o entendimento dos impactos e asalterações causadas pelo processo de conversão florestal tropical pelo corte e queima de vegetação nativa na Amazônia
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.10.2017
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FRADE JUNIOR, Elizio Ferreira; CERRI, Carlos Eduardo Pellegrino. Atributos químicos, microbiológicos e emissões de CO2, CH4 e N2O do solo em experimento de corte e queima controlada na Amazônia Ocidental. 2017.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11140/tde-21032018-110158/ >.
    • APA

      Frade Junior, E. F., & Cerri, C. E. P. (2017). Atributos químicos, microbiológicos e emissões de CO2, CH4 e N2O do solo em experimento de corte e queima controlada na Amazônia Ocidental. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11140/tde-21032018-110158/
    • NLM

      Frade Junior EF, Cerri CEP. Atributos químicos, microbiológicos e emissões de CO2, CH4 e N2O do solo em experimento de corte e queima controlada na Amazônia Ocidental [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11140/tde-21032018-110158/
    • Vancouver

      Frade Junior EF, Cerri CEP. Atributos químicos, microbiológicos e emissões de CO2, CH4 e N2O do solo em experimento de corte e queima controlada na Amazônia Ocidental [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11140/tde-21032018-110158/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021