Exportar registro bibliográfico

Physical-chemical properties and cytotoxicity analysis of 5 different endodontic sealers (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: ALMEIDA, MARCELA MILANEZI DE - FOB
  • Unidade: FOB
  • Sigla do Departamento: BAD
  • Subjects: CIMENTOS ENDODONTICOS; MATERIAIS DENTÁRIOS; ENDODONTIA; MICROTOMOGRAFIA
  • Language: Inglês
  • Abstract: O objetivo do presente estudo foi analisar a radiopacidade, tempo de presa, escoamento, pH, liberação de íons cálcio, solubilidade e citotoxicidade dos cimentos biocerâmicos Totalfill BC Sealer e Totalfill BC RRM e compará-los ao AH Plus, MTA Fillapex e MTA Angelus. Os grupos foram divididos e comparados entre si de acordo com as funções dos cimentos de obturação e retro-obturação. Comparamos o cimento obturador Totalfill BC Sealer com os cimentos AH Plus e MTA Filapex, e o cimento retrobturador Totalfill BC RRM com o cimento retrobturador MTA Angelus. Para análise da radiopacidade, os espécimes foram colocados em anéis metálicos medindo 10x1 mm, dispostos sobre um filme oclusal com uma escala de alumínio. O software Digora 1.51 foi utilizado para avaliar as imagens digitalizadas e determinar a densidade radiográfica. O tempo de presa foi realizado de acordo com as especificações da American Society for Testing and Materials C266-08 standard specifications, mas os espécimes foram feitos de acordo com a International Organization for Standardization 6876: 2001. O escoamento foi realizado de acordo com as especificações ANSI/ADA N0 57/2000. Trinta dentes acrílicos foram preenchidos com cimentos obturadores e vinte dentes de acrílico (com cavidade retrógrada) foram preenchidos com cimentos retro-obturadores e imersos em água ultrapura para mensuração do pH e liberação de íons cálcio (espectrofotômetro de absorção atômica) no período de 1, 3, 24, 72, 168 e 360 horas. Para o teste de solubilidade, foram escaneados 50 dentes acrílicos e digitalizados duas vezes pelo Micro-CT, antes e após a imersão em água ultrapura nos períodos de 168, 360 e 720 horas. As imagens foram reconstruídas e o volume (mm3) das amostras foi obtido usando o software CTan (CTan v1.11.10.0, SkyScan).Os efeitos celulares in vitro foram analisados nas concentrações de 100, 50, 10, 5, 1 mg/mL e 0 mg / mLgrupo controle negativo e registados nos períodos de 24, 48 e 72 horas através do ensaio de redução de MTT. Os resultados foram analisados estatisticamente pelos testes ANOVA, Tukey, Kruskal-Wallis e Dunn (p < 0.05). Todos os valores de radiopacidade estavam de acordo com a norma ISO 6876/2001, sendo o AH Plus (7.86 mm Al) o mais radiopaco seguido dos demais cimentos; Totalfill BC Sealer (4.84 mm Al), MTA Filapex (3.41 mm Al), Totalfill BC RRM (6,8 mm Al), MTA Angelus (6,7 mm Al). Os valores obtidos para o tempo de presa inicial e final foram respectivamente, AH Plus (8 e 15 horas), Totalfill BC Sealer (11 e 24 horas), MTA Filapex (13 e 26 horas), Totalfill BC RRM (3 horas e 22 horas) e MTA Angelus (10 e 120 minutos). Na análise de escoamento os cimentos se comportaram da seguinte forma: AH Plus (33 mm), MTA Filapex (47 mm), Totalfill BC Sealer (41,5 mm), Totalfill BC RRM (33,5 mm), e MTA Angelus (17,5 mm) (p < 0.05). A análise do pH mostrou que o cimento AH Plus de um modo geral, foi o que apresentou os menores valores, seguido do Totalfill BC RRM, MTA Angelus, MTA Filapex e Totalfill BC Sealer. A maior liberação de Ca2+ do AH Plus foi no período de 1 hora (1.38 mg/L), MTA Filapex foi em 360 horas (3.81 mg/L), Totalfill BC Sealer 360 horas (6.77 mg/L), Totalfill BC RRM 360 horas (3.81 mg/L) e MTA Angelus em 1 hora (1.38 mg/L). Todos os cimentos apresentaram solubilidade menor que 3% em todos os períodos, como recomendado pela ISO 6876/2001. Entretanto, os valores de solubilidade do MTA Fillapex excedeu mais que 5% em todos os períodos. Com relação à citotoxicidade, todos os cimentos mostraram-se tóxicos na concentração de 100 mg/mL, porém o Totalfill BC Sealer e Totalfill BC RRM apresentaram melhor resultado de viabilidade celular comparado aos demais cimentos testados.Concluiu-se que os cimentos de obturação e retro-obturação cumpriram os requisitos de radiopacidade, tempo de presa, escomento, pH, liberação de íons cálcio, solubilidade e citotoxicidade. Com exceção do MTA Fillapex que não cumpriu somente o requisito de solubilidade. Dos cimentos obturadores, o que melhor se portou foi o Totalfill BC Sealer, apresentando maior pH e liberação de íons cálcio e menor citotoxicidade. Dentre os cimentos retro-obturadores, Totalfill BC RRM foi o que melhor se destacou, mantendo seu pH elevado, possuindo maior liberação de Ca2+ e menor citotoxicidade.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.08.2017

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALMEIDA, Marcela Milanezi; BERNARDINELI, Norberti; OLIVEIRA, Rodrigo Cardoso de. Physical-chemical properties and cytotoxicity analysis of 5 different endodontic sealers. 2017.Universidade de São Paulo, Bauru, 2017.
    • APA

      Almeida, M. M., Bernardineli, N., & Oliveira, R. C. de. (2017). Physical-chemical properties and cytotoxicity analysis of 5 different endodontic sealers. Universidade de São Paulo, Bauru.
    • NLM

      Almeida MM, Bernardineli N, Oliveira RC de. Physical-chemical properties and cytotoxicity analysis of 5 different endodontic sealers. 2017 ;
    • Vancouver

      Almeida MM, Bernardineli N, Oliveira RC de. Physical-chemical properties and cytotoxicity analysis of 5 different endodontic sealers. 2017 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020