Exportar registro bibliográfico

Efeitos da metáfora da verticalidade e do foco regulatório motivacional do consumidor sobre as avaliações de preços (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: COSTA, MARCONI FREITAS DA - FEA
  • Unidade: FEA
  • Sigla do Departamento: EAD
  • Subjects: COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR; PREÇO AO CONSUMIDOR; MOTIVAÇÃO; METÁFORA; VERTICALIZAÇÃO; AUTOESTIMA
  • Keywords: Cognição incorporada; Embodied cognition; Foco regulatório; Metáfora da verticalidade; Metaphor of verticality; Preço; Price; Regulatory focus
  • Language: Português
  • Abstract: As pessoas costumam fazer rotineiramente associações entre o afeto com as posições verticais, nas quais os objetos que estão no alto, muitas vezes, são considerados bons e o que estão em baixo são considerados ruins. O uso da metáfora, geralmente inconsciente, pode afetar a motivação do indivíduo para fazer avaliações dos preços dos produtos. O foco regulatório motivacional do indivíduo pode apresentar características que contribuam para restaurar a motivação, porque está dividido em um foco em promoção, que visa aproveitar oportunidades e se aproximar de ganhos e em um foco em prevenção que busca manter a vigilância para evitar resultados negativos e se afastar de perdas. O principal objetivo desta pesquisa foi analisar os efeitos da metáfora da verticalidade sobre a forma que os indivíduos efetuam as avaliações de preços, tendo o foco regulatório como moderador dessa relação. Foram elaboradas sete hipóteses, testadas com o uso de experimentos. A amostra total dos experimentos, contendo um estudo piloto e três estudos que avaliaram o modelo teórico proposto, foi de 522 participantes. Os dados foram analisados por meio da ANOVA twoway e da macro PROCESS de Hayes (Modelo 8, 2013). Os resultados mostram que o grupo de tratamento com os indivíduos que se consideram fisicamente alto e com foco em prevenção fizeram avaliações dentro do proposto para este estudo, quando comparados aos indivíduos que se consideram fisicamente baixo e foco em promoção. O primeiro grupo de tratamentomencionado atribuiu os menores preços aos produtos, exigiu descontos maiores para se deslocarem para outra loja em busca de um produto, consideraram o preço praticado por uma empresa mais injusto e, por fim, tiveram o melhor desempenho na avaliação de preço para conseguir um bom negócio. A principal contribuição desta tese é de que os indivíduos estão expostos diariamente a mudanças na autoestima por causa de simulações mentais da verticalidade, em que o corpo influencia os pensamentos desses indivíduos para tomada de decisão em relação a preços, e que o foco regulatório é capaz de atenuar tais efeitos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.10.2017
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      COSTA, Marconi Freitas da; ANGELO, Claudio Felisoni de. Efeitos da metáfora da verticalidade e do foco regulatório motivacional do consumidor sobre as avaliações de preços. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12139/tde-08012018-120715/ >.
    • APA

      Costa, M. F. da, & Angelo, C. F. de. (2017). Efeitos da metáfora da verticalidade e do foco regulatório motivacional do consumidor sobre as avaliações de preços. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12139/tde-08012018-120715/
    • NLM

      Costa MF da, Angelo CF de. Efeitos da metáfora da verticalidade e do foco regulatório motivacional do consumidor sobre as avaliações de preços [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12139/tde-08012018-120715/
    • Vancouver

      Costa MF da, Angelo CF de. Efeitos da metáfora da verticalidade e do foco regulatório motivacional do consumidor sobre as avaliações de preços [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12139/tde-08012018-120715/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021