Exportar registro bibliográfico

Resultados tardios do retalho miocutâneo de platisma para reconstrução em pacientes com câncer de cabeça e pescoço (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: MATOS, BELMIRO JOSé - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MDR
  • Subjects: NEOPLASIAS DE CABEÇA E PESCOÇO; RETALHOS CIRÚRGICOS; CIRURGIA; PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS RECONSTRUTIVOS; RESULTADO DE TRATAMENTO
  • Keywords: Head and neck neoplasms; Myocutaneous flap; Reconstructive surgical procedures; Treatment outcome
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: As ressecções oncológicas da cavidade oral, orofaringe, hipofaringe e laringe, que têm como objetivo a extirpação completa do tumor com margens de segurança, podem determinar grandes defeitos anatômicos tridimensionais e que afetam funções nobres, entre elas a deglutição, a fala e a respiração. Entre as alternativas de reconstrução o retalho miocutâneo de platisma (RMP) pode ser empregado, dada sua versatilidade e facilidade de execução técnica, com a vantagem de ser menos espesso que os outros retalhos miocutâneos e adaptar-se melhor a uma série de condições clínicas. O objetivo deste trabalho foi estudar os resultados do RMP empregado nas reconstruções após ressecções oncológicas de tumores da cavidade oral, orofaringe, hipofaringe e laringe do ponto de vista funcional e complicações. CASUÍSTICA E MÉTODO: Estudo retrospectivo, aprovado pelo CEP-FMUSP.O banco de dados utilizado é constituído de pacientes matriculados no ambulatório do Hospital Santa Marcelina (Serviço de Cirurgia de Cabeça e Pescoço), com o diagnóstico de neoplasias malignas de boca, orofaringe, hipofaringe e laringe, sendo critério de inclusão todos aqueles que foram operados e reconstruídos com o RMP de pedículo superior e de exclusão aqueles submetidos a outro tipo de reconstrução ou tratamento oncológico, o diagnóstico foi sempre confirmado com biópsia prévia e o estadiamento clínico, TNM, Classificação de Tumores Malignos, seguiu a padronização da União Internacional Contra o Câncer. Foramoperados 250 casos de tumores malignos de cabeça e pescoço no período de janeiro de 1990 a dezembro de 2015, todos reconstruídos com o RMP. Destes 184 casos eram elegíveis para o presente estudo. A técnica utilizada para a reconstrução foi o RMP com pedículo superior. A avaliação funcional da reconstrução pelo retalho foi realizada para a respiração, deglutição, aspiração e comunicação. RESULTADOS: Dos 184 casos, 90,2% eram do estádio III e IVA. A dieta ficou normal em 153 (83,1%) dos pacientes, 29(15,8%) ficaram com dieta pastosa e líquida e 2(1,1%) somente com dieta liquida, 146(79,3%) dos casos ficaram com voz laríngea e 38(20,7) com outro tipo de voz. A aspiração da dieta ocorreu em 60,5% dos pacientes e 39,5% não tiveram. Os tumores da base de língua tiveram aspiração em 40,4% dos casos, nos primeiros 7 a 15 dias comparado com outras regiões (p < 0,001). Os pacientes com tumores da hipofaringe tiveram aspiração moderada e os da cavidade oral tiveram a taxa mais baixa. Necroses parciais ocorreram em 10 (4,5%) e foram mais frequentes na cavidade oral 6(3,3%) dos casos. As fístulas ocorreram em 15(8,1%) dos pacientes, a mais alta incidência ocorreu na hipofaringe com 8(4,3%) dos casos. CONCLUSÕES: A reabilitação funcional quanto à deglutição, aspiração, respiração e comunicação foi efetiva, a maioria dos pacientes ficaram com dieta normal por via oral. O RMP mostrou-se um procedimento cirúrgico seguro com índices de complicações baixos, mesmo em pacientes de estádios oncológicos avançados
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.10.2017
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MATOS, Belmiro José; KOWALSKI, Luiz Paulo. Resultados tardios do retalho miocutâneo de platisma para reconstrução em pacientes com câncer de cabeça e pescoço. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5155/tde-03012018-114722/ >.
    • APA

      Matos, B. J., & Kowalski, L. P. (2017). Resultados tardios do retalho miocutâneo de platisma para reconstrução em pacientes com câncer de cabeça e pescoço. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5155/tde-03012018-114722/
    • NLM

      Matos BJ, Kowalski LP. Resultados tardios do retalho miocutâneo de platisma para reconstrução em pacientes com câncer de cabeça e pescoço [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5155/tde-03012018-114722/
    • Vancouver

      Matos BJ, Kowalski LP. Resultados tardios do retalho miocutâneo de platisma para reconstrução em pacientes com câncer de cabeça e pescoço [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5155/tde-03012018-114722/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021