Exportar registro bibliográfico

Avaliação de lesão crónica do nervo fibular comum após lesão traumática do canto posterolateral: correlação clínica, ultrassonográfica e por imagens de ressonância magnética (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: MORAES, NATÁLIA ANGELINI - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: IMAGEM; JOELHO; RESSONÂNCIA MAGNÉTICA; ULTRASSONOGRAFIA
  • Keywords: Avaliação clínica; Canto posterolateral; Clinical correlacion; Common peroneal nerve; Joelho; Knee; Magnetic resonance; Nervo fibular comum; Posterolateral corner; Ressonância magnética; Ultrassonografia; Ultrassonography
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: A lesão traumática do canto posterolateral pode resultar em comprometimento do nervo fibular comum (NFC). A presença de lesão do nervo fibular comum pode implicar em mudanças de decisões terapêuticas e determinar sequelas sensitivas e motores. O objetivo principal deste estudo é descrever o aspecto de imagem da lesão crónica do nervo fibular comum após lesão traumática do canto posterolateral (CPL), por meio de imagens de Ultrassonografia (US) e Ressonancia Magnética (RM) e correlacionar com os achados clínicos. Materiais e Métodos: No período de 2009 a 2016, foram coletados 41 pacientes com lesão traumática do canto posterolateral. Destes, 18 apresentavam alteração do nervo fibular comum, sendo que em 5 foram obtidas informações do seguimento clínico, ultrassonográfico e por imagem de RM. Resultados: As imagens de RM de lesão do nervo fibular comum desses 5 pacientes tanto na fase aguda/subaguda após o trauma quanto na crónica foram avaliadas por dois radiologistas musculoesqueléticos, de forma consensual. Na análise das imagens de RM de lesão aguda/subaguda do NFC foram consideradas, 4 casos de neuropraxias e 1 caso de axonotmese. Destes, as imagens por RM e US da lesão crónica do NFC foram classificadas como nervo normal em 2 pacientes, grau I em 2 pacientes e grau 11 em 1 paciente. Finalmente, destes 4 pacientes com NFC classificado como normal e grau 1, ao exame clínico 3 não apresentavam alterações sensitivas e mataras e 1 permaneceu com discretas alterações de sensibilidade e motora. A lesão do NFC de 1 paciente classificada como grau 11, apresentou importantes sequelas sensitivas e motores na avaliação clínica. Conclusão: As alterações do NFC nas lesões traumáticas do CPL do joelho são detestáveis por RM tanto na fase aguda/subaguda quanto na crónica. As lesões crónicas do NFC classificadas como grau I por meio de imagens de RM e US, tiveram pouca ou nenhuma repercussãoclínica e a grau 11, tiveram importantes sequelas sensitivas e motores, sugerindo a correlação entre os achados de imagem e a gravidade das sequelas neurais
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.06.2017
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MORAES, Natália Angelini; SIMÃO, Marcelo Novelino. Avaliação de lesão crónica do nervo fibular comum após lesão traumática do canto posterolateral: correlação clínica, ultrassonográfica e por imagens de ressonância magnética. 2017.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17158/tde-25042018-112239/ >.
    • APA

      Moraes, N. A., & Simão, M. N. (2017). Avaliação de lesão crónica do nervo fibular comum após lesão traumática do canto posterolateral: correlação clínica, ultrassonográfica e por imagens de ressonância magnética. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17158/tde-25042018-112239/
    • NLM

      Moraes NA, Simão MN. Avaliação de lesão crónica do nervo fibular comum após lesão traumática do canto posterolateral: correlação clínica, ultrassonográfica e por imagens de ressonância magnética [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17158/tde-25042018-112239/
    • Vancouver

      Moraes NA, Simão MN. Avaliação de lesão crónica do nervo fibular comum após lesão traumática do canto posterolateral: correlação clínica, ultrassonográfica e por imagens de ressonância magnética [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17158/tde-25042018-112239/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021