Exportar registro bibliográfico

Modificação das propriedades superficiais dos polímeros sintéticos e orgânicos após imersão em biofilme de C.albicans (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CHOCANO, ANA PAULA CHAPPUIS - FOB
  • Unidades: FOB
  • Sigla do Departamento: BAP
  • Subjects: PRÓTESE TOTAL; CANDIDA ALBICANS; ADESIVOS DENTINÁRIOS; RESINAS ACRÍLICAS; RUGOSIDADE SUPERFICIAL
  • Language: Português
  • Abstract: A proposta deste trabalho foi avaliar as alterações da rugosidade e hidrofobicidade superficial de 4 adesivos sintéticos e 1 orgânico aplicados em resinas acrílicas termopolimerizáveis (RAT) antes e após 7, 14 e 30 dias de serem submetidos em biofilme de Cândida albicans. Foram confeccionados cento e oito espécimes de resina acrílica termopolimerizável (10x10x3mm) na qual foram aplicados 4 adesivos sintéticos a base de CAs: Etil cianoacrilato convencional (ECAc - Superbonder®), Etil cianoacrilato em gel (ECAg – Superbonder® em gel), Butil cianoacrilato (BCA – Tekbond®), Octil cianoacrilato (OCA – Dermabond®) e 1 adesivo orgânico a base de veneno de cobra (AT- C.E.V.A.P, Unesp). Após da polimerização dos produtos aplicados, foram aguardados 48 horas para a leitura da rugosidade no perfilômetro e da hidrofobicidade no goniômetro, concluído este procedimento todos os espécimes passaram por um processo de esterilização por óxido de etileno para logo serem divididos em 3 grupos: 7, 14 e 30 dias. Seguidamente os espécimes foram inoculados com Cândida albicans SC5314 (1.107 células/mL) para a formação de biofilme. Concluído os períodos de avaliação, foi selecionado 1 espécime de cada grupo para ser corado através dos fluorocromos SYTO-9 e iodeto de propídeo para análise em microscópio confocal e simultaneamente os demais espécimes passaram pela remoção mecânica do biofilme, para logo serem lavados e secados a temperatura ambiente sobre exposição de luz UV durante 6 horas. Em seguida os espécimes foram envalados e esterilizados por óxido de etileno para finalmente ser avaliados no perfilômetro e goniômetro. Para a avaliação das medidas iniciais dos materiais testados foi empregado o teste de anova 1 critério e para a análise após da imersão em biofilme de Cândida albicans foi utilizado o teste de anova 2 critérios.Para as diferenças encontradas entre os grupos, foi utilizado o teste de comparação múltipla (Teste de Tukey). Foi adotado um nível de significância de 5%. Os resultados demonstraram que todos os grupos CAs conseguiram diminuir significativamente a rugosidade superficial, além de manter propriedades hidrofóbicas na sua superfície: ECAc (2,02 μm - 86.93°), ECAg (2.57μm -109.06°), BCA (0.78μm – 95.57°), OCA (0.61μm -102.47°), porém o AT tornou a superfície da resina acrílica hidrofílica, além de não conseguir diminuir a rugosidade da RAT (3.63μm – 59.49°). Após imersão em biofilme microbiano, foi constatado que o biofilme de C. albicans conseguiu diminuir significativamente os valores da rugosidade em todos os períodos avaliados, exceto o grupo BCA. Com relação a hidrofobicidade foi observada uma redução significante dos valores hidrofóbicos em todos os grupos testados após imersão em biofilme de C.albicans, exceto no grupo AT nos 3 períodos avaliados. Estes resultados confirmaram que os grupos CAs melhoram as características físico-químicas das RATs, destacando-se dentre eles o grupo OCA com superfícies menos rugosas e propriedades hidrofóbicas na sua superfície. Por outro lado, cabe salientar o grupo BCA cuja rugosidade foi inalterada. Finalmente as imagens em microscópio confocal revelaram que os grupos etil cianoacrilatos apresentam uma maior efetividade em inibir a adesão microbiana.
  • Imprenta:
    • Place of publication: Bauru
    • Date published: 2017
  • Data da defesa: 02.06.2017

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CHAPPUIS CHOCANO, Ana Paula; PORTO, Vinícius Carvalho. Modificação das propriedades superficiais dos polímeros sintéticos e orgânicos após imersão em biofilme de C.albicans. 2017.Universidade de São Paulo, Bauru, 2017.
    • APA

      Chappuis Chocano, A. P., & Porto, V. C. (2017). Modificação das propriedades superficiais dos polímeros sintéticos e orgânicos após imersão em biofilme de C.albicans. Universidade de São Paulo, Bauru.
    • NLM

      Chappuis Chocano AP, Porto VC. Modificação das propriedades superficiais dos polímeros sintéticos e orgânicos após imersão em biofilme de C.albicans. 2017 ;
    • Vancouver

      Chappuis Chocano AP, Porto VC. Modificação das propriedades superficiais dos polímeros sintéticos e orgânicos após imersão em biofilme de C.albicans. 2017 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020