Exportar registro bibliográfico

Avaliação da estabilidade de anticorpos anti-eritrocitários irregulares em amostras biológicas para produção de controles internos em laboratórios de imuno-hematologia (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: FERREIRA, ANGELA MELGAÇO - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: IMUNO-HEMATOLOGIA; ANTICORPOS
  • Keywords: Anticorpos irregulares antieritrocitários; Controle de qualidade; Hemoterapia; Hemotherapy; Immunohematology; Imuno-hematologia; Irregular red blood cell antibodies, hemotherapy services; Quality control; Serviços de hemoterapia
  • Language: Português
  • Abstract: O uso de amostras "Controle Interno" (CI) para validação de técnicas e reagentes imunohematológicos é exigido por lei e indispensável para identificar erros nos processos laboratoriais. No Brasil, as legislações que regem a hemoterapia aprovam a produção dos reagentes CI pelos serviços de hemoterapia (SH), desde que o processo seja previamente validado e tenha critérios de aceitação bem definidos. O estudo analisou a estabilidade de anticorpos anti-eritrocitários irregulares, da classe IgG, presentes nos plasma fresco congelado (PFC) de doadores e nas amostras pré-transfusionais de pacientes com o objetivo de utilizar esta matéria prima para a produção de CI nos laboratórios de imuno-hematologia. Foram avaliados o título, o escore e a reatividade (testes de potência) de 12 amostras de PFC com anticorpos anti-D, -E e -K e de 25 amostras de pacientes com anticorpos anti-D, -E, -e, -c, -C e -K, ambas estocadas em freezer (-25°C) e em geladeira (2 a 8°C), durante seis e três meses respectivamente. Nas amostras de PFC os valores iniciais do título e reatividade foram mantidos durante o estudo, sendo que as quedas ocorridas não ultrapassaram uma titulação ou graduação em freezer e geladeira. Todavia, o tempo de armazenamento dos PFC antes do início do estudo impactou negativamente o escore das amostras estocadas em freezer (p=0,021) e geladeira (p=0,027). Nas amostras de pacientes o título sofreu um impacto negativo significante, sendo afetado tanto pelo tempo prévio de seuarmazenamento antes do início do estudo quanto pelo tipo de estocagem durante a execução dos testes. Amostras com tempo de armazenamento prévio prolongado entre 2 e 8°C tiveram seus títulos significantemente impactados quando estocadas em freezer (p=0,014) e geladeira (p=0,039), indicando que sua permanência demorada em temperaturas mais altas pode acarretar a degradação dos anticorpos de forma mais acentuada. As alíquotas armazenadas em geladeira durante o estudo tiveram uma significante redução do título (p=0,016), quando comparadas com as amostras armazenadas em freezer, confirmando uma menor viabilidade dos anticorpos mantidos em temperaturas menos frias. Ao avaliarmos uma possível associação entre os valores iniciais do título, escore e reatividade e uma propensão à queda nos resultados dos testes de potência, verificamos que os anticorpos com esses valores inicialmente baixos não apresentaram menor estabilidade se comparados aos anticorpos com valores mais altos. Esta característica indica que anticorpos irregulares IgG com diferentes perfis iniciais de potência podem ser utilizados para a produção de CI desde que corretamente caracterizados, armazenados e validados. É pertinente ampliar o conhecimento acerca da estabilidade das diferentes especificidades de anticorpos que podem compor um painel de CI, além das avaliadas neste estudo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.02.2017
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERREIRA, Angela Melgaço; PRATA, Karen de Lima. Avaliação da estabilidade de anticorpos anti-eritrocitários irregulares em amostras biológicas para produção de controles internos em laboratórios de imuno-hematologia. 2017.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17155/tde-07062017-142345/ >.
    • APA

      Ferreira, A. M., & Prata, K. de L. (2017). Avaliação da estabilidade de anticorpos anti-eritrocitários irregulares em amostras biológicas para produção de controles internos em laboratórios de imuno-hematologia. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17155/tde-07062017-142345/
    • NLM

      Ferreira AM, Prata K de L. Avaliação da estabilidade de anticorpos anti-eritrocitários irregulares em amostras biológicas para produção de controles internos em laboratórios de imuno-hematologia [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17155/tde-07062017-142345/
    • Vancouver

      Ferreira AM, Prata K de L. Avaliação da estabilidade de anticorpos anti-eritrocitários irregulares em amostras biológicas para produção de controles internos em laboratórios de imuno-hematologia [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17155/tde-07062017-142345/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021