Exportar registro bibliográfico

Avaliação regional da rede de atenção aos agravos cardiovasculares (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BALDERRAMA, PRISCILA - EERP
  • Unidades: EERP
  • Sigla do Departamento: ERG
  • Subjects: AVALIAÇÃO EM SAÚDE; SAÚDE; ACESSO AOS SERVIÇOS DE SAÚDE
  • Keywords: Assistência Integral à Saúde; Comprehensive Health Care; Gestão em Saúde; Health Evaluation; Health Management; Health Services Accessibility
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução. A magnitude dos agravos cardiovasculares e sua representação no sistema de saúde, a importância da avaliação enquanto instrumento de gestão e o reconhecimento da condição traçadora como estratégia metodológica viável para avaliação de serviços e sistemas de saúde justificaram esta investigação. Objetivo. Avaliar ações de atenção aos agravos cardiovasculares como traçadores de resultados da articulação dos diferentes níveis de atenção de um sistema regional de saúde, na perspectiva do acesso e da integralidade da atenção. Material e Método. Pesquisa avaliativa, baseada no método misto sequencial, desenvolvida em duas fases: a primeira, documental, a partir de dados secundários, abordagem quantitativa; a segunda, a partir de dados primários, abordagem qualitativa. Para coleta dos dados secundários, utilizaram-se sistemas de informação ambulatorial e hospitalar do Ministério da Saúde, BR, região de São José do Rio Preto, SP, BR, de 2000 a 2013, armazenados em planilhas Microsoft Excel e analisados, utilizando estatística descritiva. Considerando a análise dos dados quantitativos, elegeram-se participantes da etapa qualitativa gestores e responsáveis pela regulação, na Comissão Intergestora Regional de São José do Rio Preto, pela maior concentração de serviços e cobertura das ações/intervenções para a traçadora escolhida. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas que, após transcrição e leituras exaustivas, permitiram agrupar os dados emcinco dimensões. Optou-se por aprofundar análise dos aspectos que favorecem o acesso, para enfocar experiências exitosas. Investigação aprovada por Comitê de Ética e Pesquisa. Resultados. No período, todos os tipos de consultas aumentaram em termos absolutos; em percentuais, identificou-se redução nas consultas de atenção básica e cardiologia e aumento em urgência. Houve expressivo crescimento da produção de exames para diagnóstico precoce e monitoramento de usuários com problemas cardiovasculares, o que reduz o risco de complicações. Dentre as internações, 25,36% foram cirúrgicas e, 74,64% clínicas. Houve redução no percentual da população com internações clínicas e crescimento da população com internações cirúrgicas. Das entrevistas, emergiram aspectos facilitadores do acesso no sistema regional de saúde, agrupados segundo dimensões organizacional, política, técnica, econômico-social e simbólica do acesso, distribuídas em categorias, com estratégias e ações relacionadas. As dimensões organizacional e política foram mais citadas pelos participantes, indicando como estratégias empoderamento da atenção básica, organização de fluxos de atendimento, fortalecimento da regulação local e regional, redução das barreiras geográficas de acesso, fortalecimento de avaliação de serviços de saúde, qualificação e continuidade da gestão municipal, comprometimento da gestão estadual, cooperação entre gestores, fortalecimento da CIR, aperfeiçoamento da pactuaçãoregional. As dimensões técnica e econômico-social foram menos enfatizadas, as estratégias relacionam-se à institucionalização da educação para a saúde, comprometimento, perfil profissional e estabelecimento de vínculo, garantia da resolubilidade da atenção e provimento dos recursos necessários à atenção à saúde. Na dimensão simbólica, não houve proposições, fato que pode decorrer do perfil dos participantes, profissionais com foco em gestão e pouca interface na assistência. Conclusões. A avaliação evidenciou articulação entre níveis de atenção no sistema regional de saúde, na perspectiva do acesso e integralidade. A organização regional repercutiu no incremento do acesso. A condição traçadora apresentou-se como estratégia adequada para a avaliação proposta
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.06.2017

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BALDERRAMA, Priscila; CHAVES, Lucieli Dias Pedreschi. Avaliação regional da rede de atenção aos agravos cardiovasculares. 2017.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-26092017-212012/ >.
    • APA

      Balderrama, P., & Chaves, L. D. P. (2017). Avaliação regional da rede de atenção aos agravos cardiovasculares. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-26092017-212012/
    • NLM

      Balderrama P, Chaves LDP. Avaliação regional da rede de atenção aos agravos cardiovasculares [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-26092017-212012/
    • Vancouver

      Balderrama P, Chaves LDP. Avaliação regional da rede de atenção aos agravos cardiovasculares [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-26092017-212012/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020