Exportar registro bibliográfico

Câncer colorretal e colostomia: aspectos psicodinâmicos envolvidos na vivência da sexualidade (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: SCARTON, MéRCIA APARECIDA PEREIRA DE ANDRADE - IP
  • Unidade: IP
  • Sigla do Departamento: PSC
  • Subjects: ONCOLOGIA; NEOPLASIAS COLORRETAIS; SEXUALIDADE; PSICANÁLISE
  • Language: Português
  • Abstract: O câncer colorretal é o segundo tipo que mais causa mortes no Brasil. Podem ser utilizados vários tratamentos para esses casos, tais como a quimioterapia, radioterapia e cirurgias, dentre as quais, a colostomia. Apesar de trazer sobrevida, a colostomia pode acarretar mudanças físicas e psicológicas que impactam diretamente os doentes. Pesquisas na área da Psico-oncologia são consideradas importantes nesses casos, pois estudam as dimensões psicológicas do câncer sob diferentes aspectos. Na presente dissertação, foi realizado estudo de caso instrumental com dois sujeitos cada qual se relacionando em regime de união estável com o objetivo de analisar as questões psicodinâmicas envolvidas na vivência da própria sexualidade após a colostomia. Para atingir tal objetivo, foram realizadas entrevistas semiestruturadas e o teste psicológico HTP. Os resultados foram analisados sob enfoque psicanalítico e indicaram: queda na autoestima; autoimagem corporal negativa; isolamento social e dificuldades na aceitação do uso da bolsa coletora; luto pela perda do corpo saudável; vergonha e receio de que os outros percebam sua condição de colostomizado. A dinâmica psíquica de cada entrevistado impactou a maneira de experienciar esse processo. Com personalidades e formas de enfrentamento distintas, foram encontradas diferenças na forma de lidar com seus próprios relacionamentos afetivos. A despeito dessas questões, a colostomia emergiu como a principal culpada pelo distanciamento ocorrido entreas partes, em relação a ambos os casais, embora muitos reveses já estivessem presentes na rotina conjugal antes mesmo da cirurgia. Além disso, a falta de apoio conjugal, indiferença por parte do companheiro e dificuldades na convivência colaboraram para o surgimento de barreiras entre o casal, contribuindo para a derrocada da vida sexual. Os pacientes não foram encaminhados para acompanhamento psicológico, embora considerem a psicoterapia importante. Não encontraram oportunidade em serviços públicos de saúde para dirimir dúvidas e abordar questões de ordem pessoal, conjugal ou sexual
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.05.2017
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SCARTON, Mércia Aparecida Pereira de Andrade; RODRIGUES, Elisa Maria Parahyba Campos. Câncer colorretal e colostomia: aspectos psicodinâmicos envolvidos na vivência da sexualidade. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47133/tde-02102017-163731/ >.
    • APA

      Scarton, M. A. P. de A., & Rodrigues, E. M. P. C. (2017). Câncer colorretal e colostomia: aspectos psicodinâmicos envolvidos na vivência da sexualidade. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47133/tde-02102017-163731/
    • NLM

      Scarton MAP de A, Rodrigues EMPC. Câncer colorretal e colostomia: aspectos psicodinâmicos envolvidos na vivência da sexualidade [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47133/tde-02102017-163731/
    • Vancouver

      Scarton MAP de A, Rodrigues EMPC. Câncer colorretal e colostomia: aspectos psicodinâmicos envolvidos na vivência da sexualidade [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47133/tde-02102017-163731/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021