Exportar registro bibliográfico

O retrato de uma subjetividade feminina em The portrait of a lady, de Henry James (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SILVA, MARIANA SOUZA E - FFLCH
  • Unidades: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLM
  • Subjects: LITERATURA NORTE-AMERICANA; CRÍTICA LITERÁRIA; REALISMO; FEMINISMO
  • Keywords: 19th century Literature; Crítica literária feminista; Crítica materialista; Feminist literary criticism; Literatura do século XIX; Materialista criticism
  • Language: Português
  • Abstract: The Portrait of a Lady (1881), obra de Henry James, conta a história da formação de Isabel Archer, uma jovem americana que se destaca por desejar ser livre e independente em um contexto em que se esperava da mulher que desempenhasse um papel apenas decorativo; por isso, é possível que sua caracterização seja associada a uma protagonista com características feministas. Porém, o desenvolvimento do enredo a leva a um casamento infeliz motivado por determinantes alheios, principalmente pelo interesse financeiro de outras personagens. Este trabalho tem o objetivo de analisar de que maneira a construção da subjetividade feminina da protagonista reflete, ou não, as questões sócio-históricas que marcaram seu contexto de criação, dentre os quais se destacam o início de uma consciência voltada à valorização feminina e busca pelos direitos das mulheres demonstrada pelo movimento pelo sufrágio universal. Em nossa análise consideramos os fatores sociais e políticos da época em que a obra foi escrita e revista, assim como os pressupostos da crítica literária feminista e crítica materialista, de forma a detectar na narrativa jamesiana as características que corroborem com um ponto de vista feminista sobre Isabel Archer, estendendo nossa leitura às personagens e fatos mais relevantes da obra. Assim, chegamos à conclusão de que a protagonista de The Portrait of a Lady apresenta características feministas, como o desejo pela independência, mas não pode ser considerada uma personagem feministapor ter sido subjugada e oprimida pelo poder patriarcal representado pelas figuras masculinas mais importantes à sua volta, principalmente por Gilbert Osmond, seu marido, que personifica nesta obra a dominação masculina total sobre a mente feminina. Contudo, sentimos que o enredo contém outras personagens e fatos que demonstram a força do insconsciente político daquele contexto, que se faz presente mesmo à revelia de seu autor, dentre eles outras personagens que caracterizam atitudes feministas. A importância deste estudo é posicionar uma forte protagonista feminina de Henry James dentre os estudos feministas sobre o Realismo do século XIX.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.03.2017

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Mariana Souza e; CEVASCO, Maria Elisa Burgos Pereira da Silva. O retrato de uma subjetividade feminina em The portrait of a lady, de Henry James. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017.
    • APA

      Silva, M. S. e, & Cevasco, M. E. B. P. da S. (2017). O retrato de uma subjetividade feminina em The portrait of a lady, de Henry James. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Silva MS e, Cevasco MEBP da S. O retrato de uma subjetividade feminina em The portrait of a lady, de Henry James. 2017 ;
    • Vancouver

      Silva MS e, Cevasco MEBP da S. O retrato de uma subjetividade feminina em The portrait of a lady, de Henry James. 2017 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020