Exportar registro bibliográfico

A poesia e a formação do erudito na China clássica: transposição cultural do chinês ao português (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: MENDOZA, INTY SCOSS - FE
  • Unidade: FE
  • Subjects: LÍNGUA CHINESA; POESIA
  • Language: Português
  • Abstract: A presente tese aborda, enquanto importante conteúdo da pedagogia confucionista, a poesia clássica do Império do Centro, posteriormente denominado China, no Ocidente, em particular a primeira seção do Clássico dos Cantares, em dois aspectos: primeiro, as características estruturais do caractere chinês, o ideograma, e do texto em chinês clássico e arcaico como recurso estético a ser incorporado na tradução de poesias clássicas para o português, aqui chamada de Estudos, tendo como interlocutores teóricos os trabalhos de reimaginação ou transcriação da poesia clássica chinesa de Haroldo de Campos, inspirado pelas ideias seminais de Fenollosa; a teoria pictórica de Shitao (1642-1717), do pintor e erudito da dinastia Song, e os comentários de seu tradutor Pierre Ryckmans; o conceito de texto de Umberto Eco; e a análise da linguagem dos Cantares, de Dobson. O segundo aspecto refere-se à Natureza como principal temática dos poemas dos Cantares como representativa de um importante elemento constitutivo da educação dos eruditos, ou letrados, chineses, uma casta que governou o Império Chinês cerca de dois mil anos, evidenciando uma intensa abstração do mundo natural, seja na poesia ou na pintura. Essa educação estética pela qual os que exerceriam funções políticas deveriam passar é permeada por uma atitude ética em que a natureza e a simplicidade das relações humanas são sua principal utopia. O cancioneiro popular, compilado entre os séculos XI e VII a.C., simbolizavam um mundonatural, distante e almejado ao mesmo tempo, e que veio se tornar um valor implícito às grandes linhas do pensamento clássico chinês, como o confucionismo e o taoismo. Ambos os aspectos, o texto e o contexto, fundamentam e contextualizam os estudos de tradução apresentados
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.06.2014
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MENDOZA, Inty Scoss; LAUAND, Luiz Jean. A poesia e a formação do erudito na China clássica: transposição cultural do chinês ao português. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-20122018-084938/ >.
    • APA

      Mendoza, I. S., & Lauand, L. J. (2014). A poesia e a formação do erudito na China clássica: transposição cultural do chinês ao português. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-20122018-084938/
    • NLM

      Mendoza IS, Lauand LJ. A poesia e a formação do erudito na China clássica: transposição cultural do chinês ao português [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-20122018-084938/
    • Vancouver

      Mendoza IS, Lauand LJ. A poesia e a formação do erudito na China clássica: transposição cultural do chinês ao português [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-20122018-084938/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021