Exportar registro bibliográfico


Metrics:

A epidemiologia do câncer em crianças e adolescentes com Aids no Município de São Paulo: um estudo de base populacional (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: TANAKA, LUANA FIENGO - FSP
  • Unidade: FSP
  • Sigla do Departamento: HEP
  • DOI: 10.11606/T.6.2017.tde-18042017-150014
  • Subjects: INFECÇÕES POR HIV; REGISTROS MÉDICOS; SISTEMAS DE INFORMAÇÃO; CRIANÇAS; NEOPLASIAS; ADOLESCENTES
  • Keywords: Câncer; Linkage Probabilístico; Registro de Câncer de Base Populacional; Sistemas de Informação em Saúde
  • Agências de fomento:
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: A associação entre a infecção pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV) e o câncer tem sido documentada desde os primórdios da epidemia da síndrome da imunodeficiência adquirida (Aids). A introdução da highly active antirretroviral therapy (HAART) alterou, profundamente, o curso da epidemia da Aids, reduzindo, drasticamente, a incidência de manifestações definidoras da síndrome, incluindo cânceres. No entanto, existem informações limitadas sobre a incidência de câncer em crianças e adolescentes com Aids vivendo em países em desenvolvimento. Objetivo: Descrever a epidemiologia do câncer em crianças e adolescentes com Aids no Município de São Paulo, no período de 1997 a 2012. Métodos: Trata-se de um estudo de base populacional, utilizando as bases de dados do Registro de Câncer de Base Populacional do Município de São Paulo e do Sistema de Informações de Agravos de Notificação (SINAN). As crianças e adolescentes (< 20 anos) com Aids e câncer foram identificadas por meio de um processo de linkage probabilístico entre as bases de dados supracitadas. Foram calculadas as taxas de incidência brutas e ajustadas por milhão de habitantes. Para comparar a incidência de câncer na população com Aids e a população geral foi calculada a razão de incidência padronizada (RIP) e respectivos intervalos de confiança de 95 por cento (IC 95 por cento ). A análise de tendência foi feita por meio do cálculo do annual percent change (APC) e IC 95 por cento correspondentes.A análise da sobrevida global de cinco anos após o câncer entre pacientes com Aids e na população geral foi calculada por meio do estimador produto limite de Kaplan-Meier e modelos univariados de riscos proporcionais de Cox. Mapas coropléticos em escalas monocromáticas foram gerados para descrever a distribuição de casos no Município. Resultados: Foram identificados 24 casos de câncer em pacientes com Aids menores de 20 anos, sendo 62,5 por cento cânceres definidores de Aids. Os cânceres mais incidentes foram o linfoma não Hodgkin, incluindo o linfoma de Burkitt (12; 50,0 por cento ), o linfoma de Hodgkin (6; 25,0 por cento ) e o sarcoma de Kaposi (3; 12,5 por cento ). A taxa bruta de incidência foi de 1.461,3 casos/milhão. A análise de tendência revelou redução significativa da incidência para todos os cânceres (APC= -14,5), influenciada pela queda nos cânceres definidores de Aids (APC= -17,0). O risco para câncer se mostrou aumentado (RIP= 3,9), sobretudo para o linfoma não Hodgkin, excluindo linfoma de Burkitt (RIP= 22,5), linfoma de Burkitt (RIP= 29,7) e linfoma de Hodgkin (RIP= 18,7). A probabilidade acumulada de sobrevida aos cinco anos foi de 56,3 por cento em crianças e adolescentes com Aids versus 87,5 por cento na população geral. A hazard ratio para óbito foi 5,2 (IC 95 por cento = 2,0; 13,6). O mapa da distribuição geográfica mostrou concentração dos casos nas áreas de classes sociais mais baixas do Município.Conclusão: Houve redução acentuada da incidência de cânceres definidores de Aids, como provável resultado da introdução da HAART. No entanto, crianças e adolescentes com Aids permanecem sob risco aumentado para o desenvolvimento de câncer quando comparadas à população geral. Para aquelas que desenvolveram câncer, o risco para óbito também se mostrou substancialmente elevado.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.03.2017
  • Acesso à fonteDOI
    Informações sobre o DOI: 10.11606/T.6.2017.tde-18042017-150014 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold
    • Licença: cc-by-nc-sa

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TANAKA, Luana Fiengo; LATORRE, Maria do Rosario Dias de Oliveira; MARQUES, Heloísa Helena de Sousa. A epidemiologia do câncer em crianças e adolescentes com Aids no Município de São Paulo: um estudo de base populacional. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < https://doi.org/10.11606/T.6.2017.tde-18042017-150014 > DOI: 10.11606/T.6.2017.tde-18042017-150014.
    • APA

      Tanaka, L. F., Latorre, M. do R. D. de O., & Marques, H. H. de S. (2017). A epidemiologia do câncer em crianças e adolescentes com Aids no Município de São Paulo: um estudo de base populacional. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://doi.org/10.11606/T.6.2017.tde-18042017-150014
    • NLM

      Tanaka LF, Latorre M do RD de O, Marques HH de S. A epidemiologia do câncer em crianças e adolescentes com Aids no Município de São Paulo: um estudo de base populacional [Internet]. 2017 ;Available from: https://doi.org/10.11606/T.6.2017.tde-18042017-150014
    • Vancouver

      Tanaka LF, Latorre M do RD de O, Marques HH de S. A epidemiologia do câncer em crianças e adolescentes com Aids no Município de São Paulo: um estudo de base populacional [Internet]. 2017 ;Available from: https://doi.org/10.11606/T.6.2017.tde-18042017-150014


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021