Exportar registro bibliográfico

Avaliação de porte de um sistema entrelaçado na formação Marizal (Aptiano, Bacia do Tucano) a partir de análises de paleosinuosidade e paleohidráulica (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: CLAVIJO, MARIA PAULA RAMOS - IGC
  • Unidade: IGC
  • Sigla do Departamento: GSA
  • Subjects: PALEOHIDROLOGIA; PALEOGEOGRAFIA; RIOS
  • Keywords: Bacia Tucano; Formação Marizal; Paleohidráulica; Sinuosidade
  • Language: Português
  • Abstract: Uma das principais questões da geologia sedimentar fluvial é a identificação do porte dos depósitos fluviais no registro geológico. O seguinte trabalho desenvolveu um método para determinação de um indicador de escala do sistema fluvial independente das medidas de espessura de séries, com base na relação empírica entre o porte do sistema fluvial e o comprimento de onda da sinuosidade de seu canal principal. A Formação Marizal é interpretada como depósitos fluviais de rio entrelaçado do Aptiano, no município de Banzaê (Bahia-Brasil) as excelentes exposições e a continuidade lateral do Membro Banzaê permitiram a análise da distribuição espacial dos dados de paleocorrentes. Análise de 592 pares de estratificação cruzada e limite de séries permitiram reconhecer o predomínio de acréscimo frontal em barras arenosas, corroborando a interpretação de depósitos de rios entrelaçados. Para uma área de 250 Km², em 40 localidades tomaram-se 1264 medidas de estratificações cruzadas, permitindo a elaboração de mapas de paleocorrentes de três níveis estratigráficos de 10 a 15 m de espessura. Para cada estação pontual de medidas, foi possível estabelecer um erro em graus, com 95% de confiança, determinado pela análise de uma grande amostra (938 medidas em uma única estação) tomada como representativa da distribuição típica. Essa abordagem permitiu reconhecer a variação nos sentidos de paleocorrentes em uma malha de afloramentos e reconstituir a padrões de sinuosidade do sistema, dando comoresultado 9 km de comprimento de onda da sinuosidade preservada no registro sedimentar. Novas medidas de espessura de séries de estratificação cruzada (n=2051) corroboram trabalhos anteriores, indicando média entre 21 e 23 cm para o Membro Banzaê, o que sugere canais com profundidade na escala de rios entrelaçados modernos de grande porte. A análise de rios entrelaçados ativos com vazão conhecida mostra que o comprimento de onda da sinuosidade está diretamente relacionado à vazão média anual. A comparação do comprimento de onda dos rios ativos com o obtido no registro geológico para a unidade estudada permite concluir que o rio responsável pela deposição do Membro Banzaê da Fm. Marizal foi de grande porte, equiparável a rios de bacia de drenagem regional, como o Irrawaddy (Mianmar) e o Brahmaputra (Índia-Bangladesh)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.04.2017
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      RAMOS CLAVIJO, Maria Paula; ALMEIDA, Renato Paes de. Avaliação de porte de um sistema entrelaçado na formação Marizal (Aptiano, Bacia do Tucano) a partir de análises de paleosinuosidade e paleohidráulica. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44141/tde-22082017-134657/ >.
    • APA

      Ramos Clavijo, M. P., & Almeida, R. P. de. (2017). Avaliação de porte de um sistema entrelaçado na formação Marizal (Aptiano, Bacia do Tucano) a partir de análises de paleosinuosidade e paleohidráulica. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44141/tde-22082017-134657/
    • NLM

      Ramos Clavijo MP, Almeida RP de. Avaliação de porte de um sistema entrelaçado na formação Marizal (Aptiano, Bacia do Tucano) a partir de análises de paleosinuosidade e paleohidráulica [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44141/tde-22082017-134657/
    • Vancouver

      Ramos Clavijo MP, Almeida RP de. Avaliação de porte de um sistema entrelaçado na formação Marizal (Aptiano, Bacia do Tucano) a partir de análises de paleosinuosidade e paleohidráulica [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44141/tde-22082017-134657/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021