Exportar registro bibliográfico

Aspectos sociais e de saúde bucal, qualidade de vida, xerostomia e fluxo salivar em pacientes tratados com radioterapia para neoplasias na região da cabeça e pescoço (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: PEREIRA, RAONY MÔLIM DE SOUSA - FORP
  • Unidade: FORP
  • Sigla do Departamento: 805
  • Subjects: ODONTOLOGIA; MATERIAIS DENTÁRIOS; PRÓTESE DENTÁRIA; XEROSTOMIA; QUALIDADE DE VIDA
  • Keywords: Head and neck cancer; Hipossalivação; Hyposalivation; Neoplasias malignas na região de cabeça e pescoço; Qualidade de vida; Quality of life; Radioterapia; Radiotherapy; Xerostomia
  • Language: Português
  • Abstract: Este estudo descritivo, transversal e quantitativo avaliou os aspectos sociais e saúde bucal dos pacientes com neoplasias malignas na região de cabeça e pescoço (NMRCP) tratados com radioterapia (RTx) no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (HCFMRP/USP) de 2010 a 2014, o impacto desta terapêutica na qualidade de vida (QV), o grau de xerostomia e o fluxo salivar. 184 prontuários médicos referentes a esse período foram analisados para observação das condições sociais e de saúde dos pacientes. 40 pacientes desse grupo foram avaliados em relação ao índice de dentes cariados perdidos e obturados (CPOD), qualidade de vida (questionários OHIP-14), xerostomia (Xerostomia Inventory (XI)) e fluxo salivar. De acordo com os dados obtidos, o perfil social e de saúde dos pacientes foi: 78,8% do gênero masculino, idade média de 57,7 anos, 79,3% de cor branca, 38,0% casados, 41,8% residentes em cidade com população acima de 100 mil habitantes, 58,7% e 34,2% eram respectivamente tabagistas e etilistas há mais de 30 anos. Os sítios mais acometidos por tumores primários foram a faringe (31,0%) e a língua (25,5%); 57,6% das NMRCP evoluíram até o diagnóstico por um período de até 6 meses; 40,2% fizeram tratamento quimioterápico associado à RTx. A comorbidade mais prevalente foi a hipertensão arterial (30,4%). Avaliação odontológica prévia à RTx ocorreu em 83,2% dos casos; 48,4% não realizaram tratamento odontológico previamente à RTx e 27,7% o fizeram. As alteraçõesdecorrentes da RTx mais presentes foram a mucosite (62,0%), a xerostomia (46,2%) e a candidíase (38,0%). O índice CPOD observado classifica-se como muito alto, com média de 28,55. O OHIP-14 mostrou que a qualidade de vida foi afetada principalmente no aspecto alimentar. O XI indicou elevado grau de xerostomia percebido pelo paciente. A média do fluxo salivar dos pacientes foi de 0,20 ml/min
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.11.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PEREIRA, Raony Môlim de Sousa; TIRAPELLI, Camila. Aspectos sociais e de saúde bucal, qualidade de vida, xerostomia e fluxo salivar em pacientes tratados com radioterapia para neoplasias na região da cabeça e pescoço. 2015.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-14122015-093705/ >.
    • APA

      Pereira, R. M. de S., & Tirapelli, C. (2015). Aspectos sociais e de saúde bucal, qualidade de vida, xerostomia e fluxo salivar em pacientes tratados com radioterapia para neoplasias na região da cabeça e pescoço. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-14122015-093705/
    • NLM

      Pereira RM de S, Tirapelli C. Aspectos sociais e de saúde bucal, qualidade de vida, xerostomia e fluxo salivar em pacientes tratados com radioterapia para neoplasias na região da cabeça e pescoço [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-14122015-093705/
    • Vancouver

      Pereira RM de S, Tirapelli C. Aspectos sociais e de saúde bucal, qualidade de vida, xerostomia e fluxo salivar em pacientes tratados com radioterapia para neoplasias na região da cabeça e pescoço [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-14122015-093705/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021