Exportar registro bibliográfico

Significados atribuídos às atividades cotidianas de mulheres após a morte  em até seis meses do cônjuge idoso (2017)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BATISTA, MARINA PICAZZIO PEREZ - FM
  • Unidades: FM
  • Sigla do Departamento: MFT
  • Subjects: LUTO (ESTADO EMOCIONAL); MORTE; CUIDADOS PALIATIVOS; ATIVIDADES COTIDIANAS; CUIDADOS A DOENTES TERMINAIS; CUIDADOS CRÍTICOS; VIÚVOS; IDOSOS
  • Keywords: Activities of daily living; Aged; Caregiver; Dual process model of coping with bereavement; Eath; Grief; Modelo do processo dual do luto; Palliative care; Widowhood
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: A morte do cônjuge representa diversos desafios a serem enfrentados por mulheres, especialmente nos primeiros seis meses. O enfrentamento deste processo, comumente predispõe a declínios da saúde e impacta a vida cotidiana. Para sua compreensão, destaca-se o "Modelo do Processo Dual do Luto", o qual pressupõe que um dos fatores estressores que os viúvos precisam lidar são os orientados para a restauração. Estes incluem o engajamento em atividades cotidianas que não se relacionam diretamente à perda, sendo singular e dependente do significado atribuído pela pessoa a estas atividades. Objetivo: Conhecer os significados atribuídos às atividades cotidianas relacionadas ao enfrentamento orientado para a restauração de mulheres após a morte por câncer, em até seis meses, do cônjuge idoso. Metodologia: Trata-se de estudo qualitativo, do tipo exploratório e descritivo. Constitui-se como população alvo do estudo, viúvas: do sexo feminino; que mantinham relacionamento com o falecido por meio de casamento ou união estável; residentes no Estado de São Paulo; cujos cônjuges, falecidos de 2 a 6 meses em decorrência de câncer, tinham acima de 60 anos e foram atendidos pela equipe do Núcleo de Cuidados Paliativos do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, no período de maio a outubro de 2015. As viúvas que aceitaram participar do estudo foram convidadas para uma entrevista individual, que ocorreu entre outubro e dezembro de 2015. Para suacondução, foi utilizado um roteiro semi-estruturado que buscava conhecer se os participantes realizavam ou pensavam em realizar atividades cotidianas relacionadas ao enfrentamento orientado para a restauração, e quais os significados que atribuíam a seu desempenho. O conteúdo das entrevistas foi gravado, transcrito e posteriormente analisado pelo processo de codificação, gerando temas abrangentes. Resultados: Identificou-se um primeiro tema nos resultados que se relacionou aos fatores que influenciavam no significado das atividades cotidianas relacionadas ao enfrentamento orientado para a restauração, os quais foram: a) sofrimento decorrente da percepção da ausência do marido no cotidiano; b) desempenho do papel de cuidadora; c) percepção negativa sobre a qualidade do relacionamento prévio com o cônjuge; d) participação nas circunstâncias que envolveram o óbito e nos processos decisórios de tratamento no período de adoecimento do cônjuge; e) apoio da rede informal e a presença de animais de estimação; f) espiritualidade. O segundo tema que emergiu dos resultados se referiu ao relato das entrevistadas sobre sua participação nas entrevistas conduzidas nesta tese. Discussão: O reconhecimento dos fatores que influenciavam no significado das atividades cotidianas favorece a reflexão sobre o apoio prestado às viúvas após a morte do cônjuge, especialmente ao se considerar que as mulheres se beneficiam mais de intervenções com ênfase no enfrentamento orientado para restauração.Entende-se que estudos que utilizam entrevistas como procedimento de coleta de dados podem beneficiar o enfrentamento do processo de luto dos participantes, pois potencialmente os auxiliam a elaborarem as experiências vivenciadas. Conclusão: Acredita-se que esta tese represente avanços na compreensão acerca do engajamento em atividades cotidianas no processo de luto, o que favorece a abordagem em Cuidados Paliativos prestada aos familiares após o óbito do paciente
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.05.2017

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BATISTA, Marina Picazzio Perez; LANCMAN, Selma. Significados atribuídos às atividades cotidianas de mulheres após a morte  em até seis meses do cônjuge idoso. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5170/tde-04082017-095747/ >.
    • APA

      Batista, M. P. P., & Lancman, S. (2017). Significados atribuídos às atividades cotidianas de mulheres após a morte  em até seis meses do cônjuge idoso. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5170/tde-04082017-095747/
    • NLM

      Batista MPP, Lancman S. Significados atribuídos às atividades cotidianas de mulheres após a morte  em até seis meses do cônjuge idoso [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5170/tde-04082017-095747/
    • Vancouver

      Batista MPP, Lancman S. Significados atribuídos às atividades cotidianas de mulheres após a morte  em até seis meses do cônjuge idoso [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5170/tde-04082017-095747/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020