Exportar registro bibliográfico

Globalização e hegemonia nas relações internacionais: o caso da Via Campesina por uma perspectiva gramsciana (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: CAMARGO, ADRIANE DE SOUSA - IRI
  • Unidade: IRI
  • Subjects: MOVIMENTOS SOCIAIS; SOCIEDADE CIVIL; SEGURANÇA ALIMENTAR; ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL; HEGEMONIA
  • Keywords: Civil society; FAO; FAO; Food security; Food sovereignty; Gramsci; Hegemonia; Hegemony; International Organization; La Vía Campesina; Movimentos sociais; Organização Internacional; Segurança alimentar; Soberania alimentar; Social movements; Sociedade civil; Via Campesina
  • Language: Português
  • Abstract: Diferentemente das abordagens estadocêntricas clássicas que valorizam processos decisórios top-down, os recentes estudos sobre a atuação da sociedade civil internacional têm desempenhado importante papel nos enfoques que valorizam as dinâmicas de cooperação bottom-up. Dentre elas, a abordagem gramsciana parte da perspectiva de que a sociedade civil internacional é portadora de projetos hegemônicos alternativos, sendo o lócus onde se concentrariam as forças potencialmente transformadoras da ordem estabelecida. Assim, ao partir da perspectiva gramsciana, o analista depara-se com o potencial que a sociedade civil possui de transformação da realidade. Nela encontram-se os movimentos sociais que, através de sua atuação nas arenas internacionais de negociação, buscam resistir à hegemonia da globalização neoliberal. Dessa maneira, por meio de sua atuação em escala global, os movimentos sociais de resistência procuram expandir sua esfera de consenso em relação a seus projetos alternativos de desenvolvimento. Nesse sentido, este trabalho objetiva demonstrar como se dá a abordagem dos movimentos sociais de resistência nas Relações Internacionais a partir de sua introdução na categoria analítica de "contra-hegemonia", tendo por referencial teórico alguns dos conceitos de Gramsci e a tradução destes conceitos para a área das Relações Internacionais realizada por Robert Cox. Dentre os movimentos sociais de resistência que atuam em escala global, encontra-se a Via Campesina. (Continua)(Continuação) Atuando junto à Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), a Via Campesina tem projetado um discurso alternativo, consubstanciado pelo conceito de Soberania Alimentar, ao discurso capitalista enredado nas políticas agrícolas internacionais. Assim, objetiva-se apresentar alguns resultados da análise dessa interação, enfocando a problemática da modificação genética dos recursos fitogenéticos e o contraponto estabelecido pela Via Campesina à concepção de Segurança Alimentar sustentada pela FAO. Tendo em vista que a ação política internacional dos movimentos sociais vem sendo objeto de consideração da literatura científica de Relações Internacionais, o propósito é desenvolver uma leitura interdisciplinar do assunto, de modo a problematizar quais as possibilidades e limitações da área de Relações Internacionais em analisar o tema. Para tanto, privilegia-se esta análise a partir da perspectiva da Teoria Crítica, buscando abordar como a sociedade civil, traduzida de termos gramscianos, possui a capacidade de influenciar a hierarquia da política internacional intergovernamental por meio de sua atuação transnacional direcionada ao questionamento da manutenção e reprodução da ordem social capitalista
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.11.13
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CAMARGO, Adriane de Sousa; VEIGA, João Paulo Candia. Globalização e hegemonia nas relações internacionais: o caso da Via Campesina por uma perspectiva gramsciana. 2013.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/101/101131/tde-31012014-120405/ >.
    • APA

      Camargo, A. de S., & Veiga, J. P. C. (2013). Globalização e hegemonia nas relações internacionais: o caso da Via Campesina por uma perspectiva gramsciana. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/101/101131/tde-31012014-120405/
    • NLM

      Camargo A de S, Veiga JPC. Globalização e hegemonia nas relações internacionais: o caso da Via Campesina por uma perspectiva gramsciana [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/101/101131/tde-31012014-120405/
    • Vancouver

      Camargo A de S, Veiga JPC. Globalização e hegemonia nas relações internacionais: o caso da Via Campesina por uma perspectiva gramsciana [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/101/101131/tde-31012014-120405/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021