Exportar registro bibliográfico

Leite fermentado e tecido adiposo visceral: possível efeito emagrecedor em obesos e portadores de síndrome metabólica (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: PERINA, NATÁLIA PRATIS - FCF
  • Unidade: FCF
  • Sigla do Departamento: FBT
  • Subjects: TECNOLOGIA DE ALIMENTOS; LATICÍNIOS; LEITE FERMENTADO; PROBIÓTICOS; OBESIDADE
  • Language: Português
  • Abstract: O trato gastrointestinal de humanos é rico em microrganismos que, podem tanto ser benéficos para a saúde do hospedeiro, prevenindo e/ ou tratando a intolerância à lactose, constipação intestinal, síndrome do intestino irritável, entre outras, quanto podem prejudicá-lo, afetando a aquisição de nutrientes e produção de mediadores inflamatórios. Estes distintos papéis da microbiota intestinal são tão marcantes que podem, inclusive, influenciar no desenvolvimento da obesidade em algumas pessoas, podendo levar até mesmo à Síndrome Metabólica. Probióticos e prebióticos podem conferir alterações nas propriedades da microbiota, afetando o crescimento bacteriano e seu metabolismo e, até mesmo, o uso de nutrientes. Assim, o objetivo geral deste trabalho foi avaliar o efeito do uso de leite fermentado simbiótico na obesidade e nos indicadores de Síndrome Metabólica, como circunferência de cintura, TGL, HDL-c, glicemia e pressão arterial, em pacientes com predisposição a esta doença, selecionados de acordo com os critérios de diagnóstico para síndrome metabólica. Para esta pesquisa foram desenhados quatro produtos, três deles inoculados com uma cultura comercial de probiótico - Bifidobacterium lactis (BL420), adicionados ou não de casca de maracujá em pó (prebiótico), sendo um deles preparado com uma emulsão de óleos vegetais, que apresenta efeito em prolongar a saciedade; e o quarto produto, fermentado apenas com a cultura clássica Streptococcus thermophilus. Avaliaram-se as propriedades tecnológicas dos produtos - físico-química, sensorial, microestrutura, microbiológica, e estudaram-se seus aspectos funcionais. Finalmente, os produtos foram testados em consumidores ao longo de um ensaio clínico durante 12semanas, período no qual os voluntários tiveram que consumir 100 mL do produto, duas vezes ao dia, todosos dias. A avaliação dos voluntários foi feita antes do início do ensaio e também aos ao final dos 90 dias
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 18.06.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PERINA, Natália Pratis; OLIVEIRA, Marice Nogueira de. Leite fermentado e tecido adiposo visceral: possível efeito emagrecedor em obesos e portadores de síndrome metabólica. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9133/tde-07122015-175106/ >.
    • APA

      Perina, N. P., & Oliveira, M. N. de. (2015). Leite fermentado e tecido adiposo visceral: possível efeito emagrecedor em obesos e portadores de síndrome metabólica. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9133/tde-07122015-175106/
    • NLM

      Perina NP, Oliveira MN de. Leite fermentado e tecido adiposo visceral: possível efeito emagrecedor em obesos e portadores de síndrome metabólica [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9133/tde-07122015-175106/
    • Vancouver

      Perina NP, Oliveira MN de. Leite fermentado e tecido adiposo visceral: possível efeito emagrecedor em obesos e portadores de síndrome metabólica [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9133/tde-07122015-175106/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021