Exportar registro bibliográfico

Experiência colonial e pós-colonial na ordem ruinosa do mundo: uma leitura de O esplendor de Portugal, de António Lobo Antunes (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: SANTOS, FERNANDA FATIMA DA FONSECA - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLC
  • Subjects: LITERATURA PORTUGUESA; COLONIALISMO; PÓS-COLONIALISMO
  • Language: Português
  • Abstract: A observação dos procedimentos formais empregados por António Lobo Antunes em O esplendor de Portugal (1997) levou-nos a constatar a existência, no livro, de uma visão crítica muito peculiar e complexa a respeito da História do colonialismo português e do contexto pós--colonial em que Angola e Portugal inserem-se. Dessa forma, o objetivo de nossa dissertação de mestrado é elucidar a dinâmica social representada nO esplendor de Portugal e a condução que o desígnio autoral dá a essa representação. Nesse sentido, procuramos identificar as inter- -relações entre os elementos formais estruturadores da obra e aqueles que regem as dinâmicas sociais que nela figuram. Para alcançarmos tal objetivo, direcionamos nossos estudos a leituras de teoria e crítica literária pautados nas noções de redução estrutural e de interpretação dialética, que Antonio Candido propõe. Paralelamente, procedemos ao delineamento e à análise dos contextos históricos que envolvem o enredo do romance em questão, com ênfase à observação das dinâmicas dialéticas que se deram entre o desenvolvimento do capitalismo das grandes potências mundiais e o atraso econômico de Portugal, bem como ao modo como essas dinâmicas intervieram na constituição e na manutenção das formas sociais de base do colonialismo português na África. Depois desse embasamento teórico, efetuamos a análise literária de O esplendor de Portugal e constatamos que, nessa obra, a visão crítica sobre o colonialismo português em suas imbricações com asconjunturas políticas e econômicas mundiais assenta-se no cruzamento, dentro do romance, de diversas temporalidades, que se situam entre o fim do século XIX e o ano de 1995. É a partir do cruzamento dessas temporalidades que o desígnio autoral faz sobressaírem questões como os modos de exploração da força de trabalho angolana, a atuação do grande capital estrangeiro em Angola, o travamento das expectativas de expansão econômica dos colonos proprietários, subordinados que estavam ao Estado português e ao poderio do grande capital, a corresponsabilidade desses colonos na instituição e na generalização da violência que permeou as relações sociais na colônia e a influência que os interesses estrangeiros também tiveram na exploração de Angola, nos rumos da guerra colonial e na intensificação e ampliação dos conflitos existentes entre os movimentos nacionalistas angolanos. A principal conclusão a que chegamos, portanto, é a de que o pilar sobre o qual se assenta a construção de O esplendor de Portugal é a composição, subjacente à complexa rede narrativa do romance, de uma rede não menos complexa de relações causais entre as temporalidades abrangidas no livro, na qual se destacam as linhas de ruptura e de continuidade históricas que sustentam essa rede e que constroem a representação do presente catastrófico em que se situam os narradores.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.12.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANTOS, Fernanda Fatima da Fonseca; CARA, Salete de Almeida. Experiência colonial e pós-colonial na ordem ruinosa do mundo: uma leitura de O esplendor de Portugal, de António Lobo Antunes. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8156/tde-24052017-105502/ >.
    • APA

      Santos, F. F. da F., & Cara, S. de A. (2016). Experiência colonial e pós-colonial na ordem ruinosa do mundo: uma leitura de O esplendor de Portugal, de António Lobo Antunes. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8156/tde-24052017-105502/
    • NLM

      Santos FF da F, Cara S de A. Experiência colonial e pós-colonial na ordem ruinosa do mundo: uma leitura de O esplendor de Portugal, de António Lobo Antunes [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8156/tde-24052017-105502/
    • Vancouver

      Santos FF da F, Cara S de A. Experiência colonial e pós-colonial na ordem ruinosa do mundo: uma leitura de O esplendor de Portugal, de António Lobo Antunes [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8156/tde-24052017-105502/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021