Exportar registro bibliográfico

Terra e trabalho no Pacífico negro colombiano: a expansão do extrativismo madeireiro entre 1950 e 1980 e as transformações na forma do trabalho nativo (2016)

  • Authors:
  • USP affiliated author: PINTO, MARIA FERNANDA SILVA - FFLCH
  • School: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLH
  • Subjects: EXTRAÇÃO DE MADEIRA; HISTÓRIA LATINO-AMERICANA
  • Keywords: Acumulação primitiva; Black Lowlands; Extrativismo madeireiro; Free work; Pacífico negro; Primitive Accumulation; Timber extraction; Trabalho livre
  • Language: Português
  • Abstract: Esta pesquisa aborda um momento pouco investigado pelos estudos sobre o Pacífico negro colombiano. Território de população majoritariamente negra, cujo povoamento desdobrou-se da crise da instituição escravista, o Pacífico negro organizou-se sob um padrão de relativo isolamento frente às estruturas estatais de organização social, constituindo um modelo de subsistência autônomo, baseado em mecanismos locais de parentesco, trabalho e posse da terra. A pesquisa que aqui se apresenta trata de investigar como este modelo de subsistência foi desarticulado pela ação extrativista das indústrias madeireiras, a partir dos anos 1950, as quais se disseminaram na região estimuladas pela emergência de uma nova perspectiva estatal sobre as terras baixas, que as compreendia como baldios da nação que deveriam ser explorados técnica e racionalmente. Este processo gerou focos de proletarização dos camponeses, sobretudo na porção sul da costa, mas também logrou absorver e transformar as dinâmicas locais de trabalho, produzindo uma nova forma de subordinação do trabalho, distinta do assalariamento tipicamente capitalista. Tais elementos levaram a pesquisadora a revisitar a teoria marxiana da acumulação primitiva e da subsunção formal e real do trabalho no capital, bem como as contribuições de Rosa Luxemburg sobre a acumulação do capital, para estabelecermos um patamar teórico seguro que nos permitisse compreender as transformações locais nas relações de trabalho e posse da terra doscamponeses negros, sem perder de vista que tal processo se insere em um movimento mais amplo de consolidação das relações de produção capitalistas no país.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.10.2016
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PINTO, Maria Fernanda Silva; GRESPAN, Jorge Luis da Silva. Terra e trabalho no Pacífico negro colombiano: a expansão do extrativismo madeireiro entre 1950 e 1980 e as transformações na forma do trabalho nativo. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8137/tde-10032017-160040/ >.
    • APA

      Pinto, M. F. S., & Grespan, J. L. da S. (2016). Terra e trabalho no Pacífico negro colombiano: a expansão do extrativismo madeireiro entre 1950 e 1980 e as transformações na forma do trabalho nativo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8137/tde-10032017-160040/
    • NLM

      Pinto MFS, Grespan JL da S. Terra e trabalho no Pacífico negro colombiano: a expansão do extrativismo madeireiro entre 1950 e 1980 e as transformações na forma do trabalho nativo [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8137/tde-10032017-160040/
    • Vancouver

      Pinto MFS, Grespan JL da S. Terra e trabalho no Pacífico negro colombiano: a expansão do extrativismo madeireiro entre 1950 e 1980 e as transformações na forma do trabalho nativo [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8137/tde-10032017-160040/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2022