Exportar registro bibliográfico

Padronização e validação de dois sistemas de amplificação quantitativa para a detecção do DNA mitocondrial e nuclear de Trypanosoma cruzi, em amostras sanguíneas e teciduais de camundongos Swiss infectados (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: ANDRINO, MARCOS LUIZ ALVES - IMT
  • Unidade: IMT
  • Subjects: TRYPANOSOMA CRUZI; DOENÇA DE CHAGAS; BIOLOGIA MOLECULAR; DNA DE CINETOPLASTO; REAÇÃO EM CADEIA POR POLIMERASE; MODELOS ANIMAIS
  • Language: Português
  • Abstract: As técnicas sorológicas são os testes de referência para o diagnóstico da doença de Chagas, porém, são pouco efetivas para avaliar a resposta ao tratamento, uma vez que a soronegativação pode levar muitos anos. As sorologias também são usadas para identificar episódios de reativação em pacientes com algum grau de imunodeficiência, por exemplo, os co-infectados pelo HIV. Já a hemocultura e o xenodiagnóstico possuem elevada especificidade e baixa sensibilidade, requerendo de 30 a 120 dias para a liberação do resultado final, podendo gerar resultados falso-negativos especialmente na fase crônica da infecção. Diante disso, a PCR em tempo real (qPCR), técnica com elevada sensibilidade e especificidade, poderia ser utilizada para detectar e quantificar a carga parasitária, permitindo o diagnóstico de episódios de reativação e o monitoramento de pacientes em tratamento. A escolha dos alvos de amplificação e dos iniciadores da qPCR é desafiadora, já que ainda não existe consenso na literatura sobre a melhor sequência alvo de amplificação e os melhores iniciadores. No presente estudo, foram selecionados iniciadores do DNA nuclear (F2/B3) e do mitocondrial (32F/148R) de T. cruzi. Posteriormente, para validação dos ensaios, foram obtidas amostras de sangue, cérebro, coração, pulmão, fígado, baço, rim, intestino, glândulas adrenais, tecido adiposo e tecido muscular esquelético de 24 camundongos Swiss adultos, infectados intraperitonealmente com 103 formas tripomastigotas da cepa Y de Trypanosoma cruzi. Amostras foram colhidas no 13º, 26º e 61º dias pós-infecção, correspondendo a diferentes intensidades de carga parasitária (alta, média e baixa). As amostras foram analisadas por qPCR com SYBR Green.Os resultados mostraram que os iniciadores do DNA nuclear e mitocondrial detectaram T. cruzi de forma específica, sendo que as maiores cargas parasitárias foram detectadas pelos iniciadores do DNA nuclear, embora os iniciadores do DNA mitocondrial tenham apresentado maior sensibilidade analítica (0,002 e 0,0002 de um único parasito, respectivamente). As duas qPCR obtiveram índices adequados de reprodutibilidade e repetibilidade inferiores a 25%. Os parâmetros de eficiência, (90%- 110%) e linearidade (R2 >= 0.98) das duas qPCR apresentaram valores adequados de acordo com o estabelecido pela literatura especializada. A comparação do threshold cycle (CT) das duas qPCR não apresentou diferença estatística. Em relação à carga parasitária foi possível detectar o DNA do parasito em todas as amostras de sangue e tecidos, com distribuição universal, porém heterogênea, e em todas as fases da infecção. O modelo animal utilizado neste estudo foi adequado para validar as duas qPCR voltadas à detecção e quantificação da carga parasitária. De acordo com os parâmetros estabelecidos, as duas qPCR, com iniciadores do DNA nuclear e do mitocondrial, foram padronizadas e validadas com sucesso, sendo capazes de quantificar todos os tipos de amostras (sangue e órgãos), nas fases aguda, subaguda e crônica da doença, sinalizando positivamente para a utilização dos dois ensaios moleculares no diagnóstico da infecção por T. cruzi.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.12.2016

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ANDRINO, Marcos Luiz Alves; OKAY, Thelma Suely. Padronização e validação de dois sistemas de amplificação quantitativa para a detecção do DNA mitocondrial e nuclear de Trypanosoma cruzi, em amostras sanguíneas e teciduais de camundongos Swiss infectados. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016.
    • APA

      Andrino, M. L. A., & Okay, T. S. (2016). Padronização e validação de dois sistemas de amplificação quantitativa para a detecção do DNA mitocondrial e nuclear de Trypanosoma cruzi, em amostras sanguíneas e teciduais de camundongos Swiss infectados. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Andrino MLA, Okay TS. Padronização e validação de dois sistemas de amplificação quantitativa para a detecção do DNA mitocondrial e nuclear de Trypanosoma cruzi, em amostras sanguíneas e teciduais de camundongos Swiss infectados. 2016 ;
    • Vancouver

      Andrino MLA, Okay TS. Padronização e validação de dois sistemas de amplificação quantitativa para a detecção do DNA mitocondrial e nuclear de Trypanosoma cruzi, em amostras sanguíneas e teciduais de camundongos Swiss infectados. 2016 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021