Exportar registro bibliográfico

Efeitos da suplementação crônica com leucina sobre parâmetros metabólicos associados à adiposidade do tecido adiposo branco em ratos com diabetes induzido por estreptozotocina no período neonatal (2016)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: LIMA, VANESSA BATISTA DE SOUSA - FCF
  • Unidades: FCF
  • Sigla do Departamento: FBA
  • Subjects: NUTRIÇÃO EXPERIMENTAL; ADIPOSIDADE
  • Language: Português
  • Abstract: A hiperglicemia crônica no diabetes está relacionada com distúrbios nas vias de sinalização da insulina e do mTOR, e com o desbalanço na secreção de adipocinas pelo tecido adiposo branco (TAB). Em longo prazo, esta disfunção metabólica pode causar uma perda severa de massa adiposa, o que agrava a resistência à insulina (RI). Estudos têm destacado o potencial efeito da suplementação com leucina no tratamento de doenças metabólicas como o diabetes tipo 2 e obesidade. No entanto, os efeitos da leucina sobre a homeostase glicêmica e a sensibilidade à insulina em doenças em que ocorre perda severa de gordura ainda necessitam melhores esclarecimentos. Portanto, foi investigado se a suplementação crônica com leucina pode afetar a adiposidade de ratos diabéticos com perda intensa de TAB, e melhorar a RI e outras desordens metabólicas relacionadas com TAB. Ratos recém-desmamados foram distribuídos em 3 grupos: i) Grupo controle (C) - não diabético e recebiam ração controle; ii) Grupo diabetes (D) - diabético e recebiam ração controle; iii) Grupo diabetes Leucina (DL) - diabético e recebiam ração suplementada com 5% de L-leucina. Após 8 semanas, foram analisados: glicemia e insulinemia de jejum, HOM'AINDIR', citocinas pro- e anti-inflamatórias no soro e tecido adiposo branco, expressão de proteínas (mTOR, p-MTOR, p70S6K1, p-p70S6K1, PPARγ, C/EBPα, ACC1, FAS, AKT, p-AKT) nos tecidos adiposos subcutâneo (SC) e retroperitoneal (RP), bem como a expressão de RNAm da adiponectina e leptina no TAB. In vivo, foram realizados testes de tolerância oral à glicose (OGTT) e de sensibilidade à insulina (ITT), glicemia pós prandial e consumo de ração. O tratamento crônico com leucina reverteu a perda de massa adiposa dos coxins subcutâneo e viscerais neste modelo experimental, o que pode ser explicado pelo aumento da expressão da p-p70S6K1, PPARγ, ACC1 e FAS, proteínas que estimulam aadipogênese e lipogênese de novo nos adipócitos. Além disso, houve um aumento da expressão de AKT total no coxim SC no grupo DL, mas não foi alterada no coxim RP, indicando que a leucina também pode melhorar a resistência à insulina por ativar a AKT, que é considerada enzima limitante da cascata de fosforilação da insulina. Por outro lado, a leucina melhorou o perfil de adipocinas secretadas pelo coxim RP, pois aumentou a secreção de adiponectina e IL-10. Estas citocinas, direta ou indiretamente, reduzem a RI em tecidos como fígado, TAB e músculo esquelético. Isto sugere que a ação da leucina sobre a sensibilidade à insulina no coxim subcutâneo parece estar mais relacionada com a recuperação da via de sinalização da insulina, ao passo que, no coxim RP está indiretamente relacionada com a melhora do perfil de adipocinas secretadas por este tecido. Estes dados corroboram com os resultados de HOM'AINDIR', glicemia de jejum e pós prandial, OGTT e ITT, nos quais foi observada uma significativa melhora do quadro de intolerância à glicose e resistência à insulina em ratos diabéticos tratados com leucina. Em conclusão, a suplementação crônica com leucina aumentou a adiposidade corporal em ratos diabéticos induzido por estreptozotocina no período neonatal, o que foi relacionado com a melhora da intolerância à glicose e da resistência à insulina. Isto demonstra que a recuperação trófica do tecido adiposo branco é fundamental para a melhora dos distúrbios metabólicos relacionados ao metabolismo da glicose neste modelo experimental
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.12.2016
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LIMA, Vanessa Batista de Sousa; TOLEDO, Julio Orlando Tirapegui. Efeitos da suplementação crônica com leucina sobre parâmetros metabólicos associados à adiposidade do tecido adiposo branco em ratos com diabetes induzido por estreptozotocina no período neonatal. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-30012017-162842/ >.
    • APA

      Lima, V. B. de S., & Toledo, J. O. T. (2016). Efeitos da suplementação crônica com leucina sobre parâmetros metabólicos associados à adiposidade do tecido adiposo branco em ratos com diabetes induzido por estreptozotocina no período neonatal. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-30012017-162842/
    • NLM

      Lima VB de S, Toledo JOT. Efeitos da suplementação crônica com leucina sobre parâmetros metabólicos associados à adiposidade do tecido adiposo branco em ratos com diabetes induzido por estreptozotocina no período neonatal [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-30012017-162842/
    • Vancouver

      Lima VB de S, Toledo JOT. Efeitos da suplementação crônica com leucina sobre parâmetros metabólicos associados à adiposidade do tecido adiposo branco em ratos com diabetes induzido por estreptozotocina no período neonatal [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-30012017-162842/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020