Exportar registro bibliográfico

SDA Kinship e a resposta à marginalização LGBT na Igreja Adventista do Sétimo Dia: uma etnografia das masculinidades rejeitadas (2016)

  • Authors:
  • USP affiliated author: CASTRO FILHO, JOSUé DE - FSP
  • School: FSP
  • Sigla do Departamento: HSM
  • Subjects: RELIGIÃO; GÊNEROS (GRUPOS SOCIAIS); HOMOSSEXUALIDADE; MASCULINIDADE; MARGINALIDADE SOCIAL; SOFRIMENTO; SEXUALIDADE; RESISTÊNCIA; ETNOGRAFIA
  • Keywords: Gênero; Homossexualidades; Masculinidades; Religion; Gender; Homosexualities; Masculinities
  • Language: Português
  • Abstract: Esta dissertação tem como objetivo explorar uma reação ao sofrimento gerado pela discriminação e exclusão social de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais numa igreja cristã protestante: a Igreja Adventista do Sétimo Dia. É uma pesquisa de caráter exploratório, realizada através da etnografia virtual de uma rede social digital chamada SDA KINSHIP, formada por membros e exmembros da Igreja Adventista do Sétimo Dia que têm alguma relação com a comunidade LGBT. Tem foco na descrição e análise da criação de espaços que permitem a expressão de masculinidades não hegemônicas que não são permitidas no espaço religioso. Esta investigação procurou interpretar o sofrimento social de sujeitos frente às masculinidades não hegemônicas e ações de resistência frente às relações de poder presentes num ambiente institucional que mantém discursos de exclusão e opressão social. Observouse que a criação de um espaço de acolhimento promove a construção de um conceito de masculinidade que extrapola os limites da conduta masculina pregados nos meios tradicionais, e é concretizada por atos de solidariedade e aceitação da variabilidade do que pode ser o homem. A resposta ao sofrimento social observada foi a de resistências sutis, que se demonstram na simples existência, manutenção e permanência deste grupo acompanhando os passos da igreja pelas margens. Alguns laços de identidade em comum foram percebidos entre os grupos, sendo o grupo de estudo reprodutor de alguns discursos ainda quede forma mais aberta a aceitar o diferente. O corpo teve grande importância nas discussões sobre as masculinidades e foi o palco em que as ideologias sobre o gênero e sexualidade se confrontaram
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.08.2016
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CASTRO FILHO, Josué de; ADORNO, Rubens de Camargo Ferreira. SDA Kinship e a resposta à marginalização LGBT na Igreja Adventista do Sétimo Dia: uma etnografia das masculinidades rejeitadas. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6136/tde-07122016-154239/ >.
    • APA

      Castro Filho, J. de, & Adorno, R. de C. F. (2016). SDA Kinship e a resposta à marginalização LGBT na Igreja Adventista do Sétimo Dia: uma etnografia das masculinidades rejeitadas. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6136/tde-07122016-154239/
    • NLM

      Castro Filho J de, Adorno R de CF. SDA Kinship e a resposta à marginalização LGBT na Igreja Adventista do Sétimo Dia: uma etnografia das masculinidades rejeitadas [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6136/tde-07122016-154239/
    • Vancouver

      Castro Filho J de, Adorno R de CF. SDA Kinship e a resposta à marginalização LGBT na Igreja Adventista do Sétimo Dia: uma etnografia das masculinidades rejeitadas [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6136/tde-07122016-154239/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020