Exportar registro bibliográfico

Avaliação da efetividade da aplicação nasal de sulfadiazina de prata para descolonização de pacientes portadores de Staphylococcus aureus resistentes à meticilina em ambiente hospitalar (2016)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FERREIRA, LÉCIO RODRIGUES - FMRP
  • Unidades: FMRP
  • Sigla do Departamento: RMS
  • Subjects: STAPHYLOCOCCUS; CLOREXIDINA; ASSISTÊNCIA À SAÚDE
  • Keywords: Infecção relacionada à assistência à saúde; MRSA descolonização; Staphylococcus aureus; Sulfadiazina de prata; Chlorhexidine; Healthcare-associated infections; MRSA decolonization; Silver sulfadiazine
  • Language: Português
  • Abstract: O sistema de saúde é desafiado diariamente por complicações infecciosas relacionadas à assistência, que constituem grave problema de saúde pública mundial, aumentando a morbidade e a mortalidade dos pacientes assistidos e elevando os custos hospitalares. O Staphylococcus aureus resistente à meticilina (MRSA), endémico em várias instituições de saúde no mundo, é um dos principais agentes Ofiológicos de infecção relacionada à assistência à saúde. A colonização é um importante fator na patogênese das infec,cões cansadas pelo MRSA, elevando o risco de uma infecção em portadores nasais desta bactéria. Além disso, sabe-se que pacientes colonizados ou infectados representam um importante reservatário desta bactéria. Atualmente, a descolonização dos portadores de MRSA é uma medida recomendada para o controle da disseminação desta bactéria. A mupirocina tem sido amplamente utilizada para a descolonização nasal, no entanto cepas de MRSA resistentes à mupirocina tem se tornado mais frequente na última década. Além disso, a formulação de mupirocina disponivel no Brasil é inadequada para aplicação em mucosas, causando efeitos adversos intoleráveis. Uma vez que a sulfadiazina de prata é bastante ativa contra o MRSA in vitro, este estudo se propôs avaliar a efetividade da aplicação intranasal dessa substancial para a descolonização de pacientes hospitalizados e colonizados por MRSA. Trata-se de um ensaio clinico randomizado, duplamente cego, controlado com placebo, cuja intervenção consistiu na terapia de descolonização nasal, com a aplicação intranasal de gel de sulfadiazina de prata a 1%, duas vezes por dia, associado a utilização de clorexidina degermante a 2% para o banho diário, por 5 dias consecutivos nos pacientes internados em um hospital terciário, com colonizacão nasal por MRSA, demonstrada por meio de cultura seletiva de swab nasalO desfecho primário do estudo foi a identificação de swab nasal negativo para MRSA coletado imediatamente após o fim do tratamento. A comparação da taxa de descolonização nasal entre os grupos foi feita usando-se o teste do Qui quadrado, com correção de Person, e por meio de um modelo de regressão logistica. Foram identificados 279 pacientes colonizados por MRSA, no entanto 156 apresentavam critérios de exclusão e 79 não estavam mais internados no momento da inclusão, sendo incluidos 44 pacientes. A mediana de idade dos incluidos foi de 57,5 anos. Após a randomização, restaram 22 pacientes em cada grupo. Oito pacientes não completaram o protocolo, e foram excluidos da análise. A descolonização nasal foi obtida em 10/16 pacientes (62,50%) no grupo controle e 10/20 (50,00%) no grupo experimental (p=0,453). A descolonização corporal global ocorreu em 8/16 (50,00%) no grupo controle e 9/20 (45,00%) no grupo experimental (p=0,765). Na análise multivariada, nenhuma das variaveis independentes incluidas, a saber sexo, idade, uso de sulfadiazina de prata, e uso de antimicrobianos sistêmicos com atividade anti-MRSA exibiu associação com o desfecho primário. Não houve diferença, entre os grupos, na incidência de infecções por MRSA após o término da terapia. Dois pacientes apresentaram irritação nasal no grupo experimental. De acordo com os nossos resultados, a sulfadiazina de prata a 1 % não foi superior ao placebo para a descolonização de pacientes com colonização nasal por MRSA
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.08.2016
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERREIRA, Lécio Rodrigues; RODRIGUES, Fernando Bellíssimo. Avaliação da efetividade da aplicação nasal de sulfadiazina de prata para descolonização de pacientes portadores de Staphylococcus aureus resistentes à meticilina em ambiente hospitalar. 2016.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17139/tde-06012017-141757/ >.
    • APA

      Ferreira, L. R., & Rodrigues, F. B. (2016). Avaliação da efetividade da aplicação nasal de sulfadiazina de prata para descolonização de pacientes portadores de Staphylococcus aureus resistentes à meticilina em ambiente hospitalar. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17139/tde-06012017-141757/
    • NLM

      Ferreira LR, Rodrigues FB. Avaliação da efetividade da aplicação nasal de sulfadiazina de prata para descolonização de pacientes portadores de Staphylococcus aureus resistentes à meticilina em ambiente hospitalar [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17139/tde-06012017-141757/
    • Vancouver

      Ferreira LR, Rodrigues FB. Avaliação da efetividade da aplicação nasal de sulfadiazina de prata para descolonização de pacientes portadores de Staphylococcus aureus resistentes à meticilina em ambiente hospitalar [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17139/tde-06012017-141757/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020