Exportar registro bibliográfico

Bactérias simbiontes associadas à abelha sem ferrão Melipona scutellaris como fontes de produtos naturais bioativos (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: MENEGATTI, CARLA - FCFRP
  • Unidade: FCFRP
  • Sigla do Departamento: 602
  • Assunto: INSETOS SOCIAIS
  • Keywords: ácido-L-3-fenil lático; Antimicrobial activity; Atividade antimicrobiana; Fusaricidinas; Fusaricidins; L-3-phenyllactic acid; Micro-organismo simbionte; Paenibacillus polymyxa ALLI-03-01; Social insects; Symbiont microorganism
  • Language: Português
  • Abstract: Os produtos naturais desempenham fundamental importância na descoberta de novos fármacos. Muitos destes fármacos originaram-se de produtos naturais microbianos o que demonstra uma extrema eficiência na habilidade dos micro-organismos de sintetizar substâncias químicas com elevado potencial biológico. Sabe-se que os insetos sociais estão sujeitos a condições climáticas e populacionais que aumentam sua susceptibilidade a parasitas. Assim, estes insetos desenvolveram um mecanismo de defesa evolutivo que consiste na associação simbiótica a bactérias capazes de biossintetizar produtos antimicrobianos contra os patógenos. Dispondo dessas informações, o presente trabalho contribuiu com o estudo dos produtos naturais biossintetizados pela bactéria Paenibacillus polymyxa ALLI-03-01, provável simbionte da espécie de abelha sem ferrão Melipona scutellaris. Os micro-organismos foram isolados de colônias mantidas no Departamento de Biologia da FFCLRP-USP. Todas as linhagens foram testadas contra dois fungos entomopatogênicos - Beauveria bassiana e Metarhizium anisopliae; os que apresentaram atividade antifúngica tiveram seus extratos em acetato de etila e metanol preparados e foram avaliados em ensaios antiparasitários contra Trypanosoma cruzi e Leishmania donovani. A bactéria ALLI-03-01, isolada do alimento larval, foi escolhida para os estudos químicos, pois apresentou satisfatória atividade antifúngica e proeminente atividade antiparasitária. Este micro-organismo foi identificado pelosequenciamento do gene 16S rRNA como sendo a bactéria Paenibacillus polymyxa, conhecida pela alta capacidade de produção de metabólitos secundários. Para conhecer seu metabolismo, esta bactéria foi cultivada em meio ISP-2 ágar e líquido e do extrato em acetato de etila do cultivo fermentativo de P. polymyxa ALLI-03-01 foi isolado o ácido L-3-fenil lático. As atividades antifúngicas dos padrões comerciais dos ácidos D-(+)- e L-(-)- 3-fenil lático foram testadas frente ao fungo entomopatogênico B. bassiana e apenas o enantiômero L apresentou atividade antifúngica. Do extrato em metanol do cultivo em meio sólido do mesmo micro-organismo foram identificados em mistura, principalmente por MALDI-TOF MS/MS, nove diferentes ciclolipodepsipeptídeos, da classe das Fusaricidinas. As fusaricidinas são conhecidas por apresentarem alta atividade anti-microbiana, que foi comprovada quando duas frações compostas por diferentes fusaricidinas foram testadas frente ao fungo entomopatogênico Metarhizium anisopliae e contra a bactéria patogênica Paenibacillus larvae. As frações apresentaram resultados satisfatórios de inibição contra ambos os patógenos, dessa maneira as fusaricidinas e a produção seletiva do ácido L-3-fenil lático por esta bactéria podem ser vias de proteção da colônia, evitando que patógenos destruam-na e permitindo o desenvolvimento sadio de larvas. Sendo assim, este trabalho relata pela primeira vez a possível relação simbiótica existente entre o micro-organismoPaenibacillus polymyxa ALLI-03-01 e a colônia de abelhas Melipona scutellaris, bem como a produção por este micro-organismo de compostos com alta atividade antimicrobiana que podem exercer o controle de parasitas dentro da colônia, estabelecendo assim, uma possível relação ecológica entre o micro-organismo destacado e as abelhas Melipona scutellaris
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.09.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MENEGATTI, Carla; PUPO, Monica Tallarico. Bactérias simbiontes associadas à abelha sem ferrão Melipona scutellaris como fontes de produtos naturais bioativos. 2016.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-12122016-152150/ >.
    • APA

      Menegatti, C., & Pupo, M. T. (2016). Bactérias simbiontes associadas à abelha sem ferrão Melipona scutellaris como fontes de produtos naturais bioativos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-12122016-152150/
    • NLM

      Menegatti C, Pupo MT. Bactérias simbiontes associadas à abelha sem ferrão Melipona scutellaris como fontes de produtos naturais bioativos [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-12122016-152150/
    • Vancouver

      Menegatti C, Pupo MT. Bactérias simbiontes associadas à abelha sem ferrão Melipona scutellaris como fontes de produtos naturais bioativos [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-12122016-152150/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021