Exportar registro bibliográfico

A adolescência e a problemática da separação: do espaço familiar ao espaço social (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: FERNANDES, ELISâNGELA BARBOZA - IP
  • Unidade: IP
  • Sigla do Departamento: PST
  • Subjects: ADOLESCÊNCIA; FAMÍLIA; ESPAÇO (GEOGRAFIA); INTERSUBJETIVIDADE; SEPARAÇÃO CONJUGAL
  • Language: Português
  • Abstract: A adolescência impõe novas exigências à família, que vivencia a angústia do esmaecimento de suas fronteiras daquelas que separam o nós dos outros, mas também das fronteiras no suceder das gerações. O intenso processo de afiliação do adolescente a outros grupos ameaça os pactos e alianças que garantiram a manutenção do grupo familiar. A capacidade de continência da família é fortemente requisitada, para que ela possa dar conta de acolher as transformações vivenciadas pelo adolescente. Cabe a ele/ela rever a separação entre si mesmo e os objetos primários, entre o eu e o outro, exigência que se efetiva pelo investimento no exterior. Deve, então, encontrar um lugar nos vínculos externos à família. Esta pesquisa buscou analisar como a problemática da separação do adolescente repercute no plano dos vínculos familiares e na relação com os espaços onde vive (casa, comunidade). Surgido das inquietações da autora em seu trabalho com adolescentes em situação de precariedade social, este estudo sustenta a hipótese de que a problemática da separação desses adolescentes ganha contornos particulares, relacionados às condições de vida, mas também à descoberta de que suas famílias e seu grupo social ocupam um lugar depreciado na sociedade. Para condução da pesquisa foram realizadas oito sessões em grupo (formado por onze adolescentes, entre 15 e 17 anos), conduzidas com base na técnica de grupo operativo de Pichon-Rivière. De acordo com a concepção psicanalítica do sujeito como sujeito dovínculo, a análise foi norteada pela consideração de algumas noções fundamentais, tais como alianças inconscientes e narcisismo grupal. Os adolescentes revelaram um intenso trabalho psíquico de elaboração em torno da questão do dentro e do fora da família, simultâneo a seu movimento em direção ao exterior. As suas falas indicaram que, para a família, o exterior figurava como uma ameaça aos pactos estabelecidos, representada pela sexualidade, em especial, e pelo risco de que o adolescente se envolvesse na violência presente na comunidade. Os adolescentes, por sua vez, revelaram a expectativa de obtenção de prazer no exterior de viverem os aspectos de seu íntimo, que não cabem no interior do grupo primário e, ao mesmo tempo, o receio quanto a um novo lugar social a ocupar. O exterior surgiu, também, como espaço de diferença e de experiência de humilhação social, vivenciada pelos adolescentes como portadores das marcas do estigma ligado a seu grupo e a sua comunidade. Em um movimento inconsciente de oposição às marcas sociais de rebaixamento, os marcos identificatórios de pertencimento dos adolescentes à comunidade foram fortalecidos, destacando-se o papel desta como espaço de continência. Concluímos que os adolescentes encontravam-se no caminho entre assegurarem seu lugar na comunidade como herdeira do vínculo e da identificação com a família e se projetarem para o exterior, como expressão da tentativa de desprenderem-se do vínculo familiar e re-criarem-se
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.08.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERNANDES, Elisângela Barboza; FERNANDES, Maria Inês Assumpção. A adolescência e a problemática da separação: do espaço familiar ao espaço social. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47134/tde-20102016-155954/ >.
    • APA

      Fernandes, E. B., & Fernandes, M. I. A. (2016). A adolescência e a problemática da separação: do espaço familiar ao espaço social. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47134/tde-20102016-155954/
    • NLM

      Fernandes EB, Fernandes MIA. A adolescência e a problemática da separação: do espaço familiar ao espaço social [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47134/tde-20102016-155954/
    • Vancouver

      Fernandes EB, Fernandes MIA. A adolescência e a problemática da separação: do espaço familiar ao espaço social [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47134/tde-20102016-155954/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021