Exportar registro bibliográfico

Estudos sobre gênero, sexualidade e políticas públicas de educação: das ações coletivas aos planos e programas federais (2011)

  • Autor:
  • Autor USP: VIANNA, CLáUDIA PEREIRA - FE
  • Unidade: FE
  • Subjects: EDUCAÇÃO; DIREITOS HUMANOS; CIDADANIA; POLÍTICAS PÚBLICAS; RELAÇÕES DE GÊNERO; SEXUALIDADE
  • Keywords: Diversidade sexual; Educação; Education; Education policy; Gender; Gênero; LGBT movement; Movimento LGBT; Política educacional; Sexual diversity
  • Language: Português
  • Abstract: Esta Tese de Livre Docência reúne, sob a forma de artigos, trabalhos que representam uma longa trajetória de pesquisa e análise sobre o processo de democratização da educação na intersecção com a produção de políticas públicas educacionais com base na perspectiva de gênero. Ela foi construída a partir de minha investigação de mestrado e, mais fortemente, com meu doutorado e também com minha experiência como docente-orientadora do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade de São Paulo, bem como com a participação no grupo de Estudos de Educação, Gênero e Cultura Sexual (Edges). Está dividida em duas partes. A primeira reúne cinco textos que retratam ponderações sobre os e as protagonistas de movimentos de mães de alunos as e de docentes do magistério paulista, em que se destacam as vicissitudes e as alternativas que o enfoque da ação coletiva na intersecção com os estudos de gênero pode trazer para a análise da luta pela melhoria da qualidade da educação. São eles: "Divergências, mas não antagonismos: mães e professoras das escolas públicas"; "Magistério paulista e transição democrática: gênero, identidade coletiva e organização docente"; "Entre o desencanto e a paixão: desafio para o magistério" e "A produção acadêmica sobre organização docente: ação coletiva e relação de gênero". Completa esse conjunto a reflexão sobre os diferentes significados masculinos e femininos das identidades docentes e das relações escolares contida no artigo "O sexo e o gêneroda docência". A segunda parte reúne textos que expressam uma trajetória de investigação desenvolvida ao longo dos últimos anos e voltada mais enfaticamente para a compreensão da introdução do gênero e da sexualidade nas políticas públicas de educação no Brasil. A preocupação com o tema tem início com as reflexões sobre o modo como os direitos sociais são reconhecidos e ou excluídos das políticas e das relações vivenciadas na instituição escolar, contidas no artigo "Relações de gênero e escola: das diferenças ao preconceito, ficção ou realidade?". Nestas investigações pude constatar um incremento da presença do gênero e da sexualidade nas políticas públicas de educação escolar no Brasil a partir da década de 1990 e da escassez de pesquisas dedicadas ao exame dessa problemática. A primeira dessas investigações teve por foco a análise da inclusão dessa perspectiva na formulação de documentos: leis, decretos, planos, parâmetros e diretrizes produzidos no âmbito da educação pública federal de 1988 a 2002 voltados para a educação infantil e o ensino fundamental e expressos nos textos "O gênero nas políticas públicas de educação no Brasil: 1988-2002" e "Gênero na educação básica: quem se importa? Análise de documentos de políticas públicas no Brasil ". O esforço de compreensão da introdução da sexualidade e do gênero no âmbito das políticas de educação escolar no Brasil foi ainda aprofundado com o exame dos livros didáticos mais distribuídos pelo Programa Nacional do LivroDidático para o ensino fundamental e para o ensino médio no texto "A eloquência do silêncio: gênero e diversidade sexual nos conceitos de família veiculados por livros didáticos". As considerações finais, do capítulo 10 "Políticas públicas de educação, gênero e diversidade sexual no Governo Lula: velhos problemas, novas respostas" reúnem reflexões desenvolvidas em duas pesquisas sobre a sistematização da produção acadêmica acerca das políticas públicas de educação a partir da ótica de gênero sexualidade. Elas permitiram traçar um panorama dos estudos sobre gênero e sexualidade nas políticas públicas de educação no Brasil, detectando temas centrais e emergentes, bem como desafios e avanços no âmbito dos programas e planos de educação decorrentes da inclusão de várias demandas dos movimentos sociais, em especial quanto à diversidade sexual e às relações de gênero. Não se trata, portanto, de uma conclusão de fato, mas de perguntas e constatações que seguem indagações sobre o caminho já trilhado, mas que também procuram abrir novos universos de compreensão do processo de reconhecimento de atores coletivos diante das leis e normas que condicionam a construção das políticas públicas de educação em nosso país. Se há uma pergunta que permanece é: quem se constitui como sujeito e como se caracteriza a exclusão de tantos outros e outras nesse processo? O restante está sempre por ser construído
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.07.2011
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VIANNA, Cláudia. Estudos sobre gênero, sexualidade e políticas públicas de educação: das ações coletivas aos planos e programas federais. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/livredocencia/48/tde-20102016-162243/ >.
    • APA

      Vianna, C. (2011). Estudos sobre gênero, sexualidade e políticas públicas de educação: das ações coletivas aos planos e programas federais. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/livredocencia/48/tde-20102016-162243/
    • NLM

      Vianna C. Estudos sobre gênero, sexualidade e políticas públicas de educação: das ações coletivas aos planos e programas federais [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/livredocencia/48/tde-20102016-162243/
    • Vancouver

      Vianna C. Estudos sobre gênero, sexualidade e políticas públicas de educação: das ações coletivas aos planos e programas federais [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/livredocencia/48/tde-20102016-162243/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021