Exportar registro bibliográfico

Assistência ao parto de mulheres imigrantes: a vivência do enfermeiro obstetra/obstetriz (2016)

  • Authors:
  • USP affiliated author: KURAMOTO, CINTIA - EERP
  • School: EERP
  • Sigla do Departamento: ERM
  • Subjects: IMIGRANTES; MULHERES; PARTO; ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM; ENFERMAGEM OBSTÉTRICA
  • Keywords: Assistência ao parto; Delivery care; Enfermagem; Immigrant women; Mulheres imigrantes; Nursing
  • Language: Português
  • Abstract: Este estudo descritivo, com abordagem qualitativa, teve como objetivo compreender como se dá a assistência do enfermeiro obstetra/obstetriz à mulher imigrante, durante o trabalho de parto e parto. Para obtenção dos dados, foram realizadas entrevistas com 11 enfermeiras obstetras/obstetrizes que tiveram a experiência de assistir mulheres imigrantes, durante o trabalho de parto e parto. Para o tratamento dos dados, foi utilizado o método de análise temática proposto por Bardin, utilizando o referencial da Teoria da Transculturalidade de Leininger, e foi possível obter três temas principais: o primeiro abordou a experiência ao realizar a assistência às mulheres imigrantes, trazendo os sentimentos vivenciados pelas enfermeiras obstetras/obstetrizes nessa experiência; o segundo, as dificuldades encontradas, com categorias relacionadas à linguagem e à cultura e o terceiro sobre os meios encontrados para facilitar a assistência às mulheres imigrantes. Neste estudo, os profissionais que atenderam a mulheres imigrantes relataram dificuldades principalmente relacionadas às barreiras linguísticas e culturais. Indicaram que perceber que a assistência às mulheres imigrantes é diferente é o primeiro passo para o cuidado transcultural. Apontaram que admitir a existência de dificuldades e considerá-las como um obstáculo que necessita ser enfrentado, fazendo com que essa experiência se torne positiva tanto para o profissional quanto para a mulher que está sendo atendida,é importante para que a assistência se torne cada vez melhor. É necessário um maior conhecimento sobre essa população para a adaptação da assistência às especificidades culturais, e o enfermeiro obstetra/obstetriz deve ser sensível a essas diferenças e adaptar seu cuidado. Os dados obtidos neste estudo podem oferecer subsídios para a implementação de ações no âmbito do atendimento às mulheres imigrantes, envolvendo os profissionais de saúde, as instituições de saúde e a população imigrante
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.06.2016
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      KURAMOTO, Cintia; MAMEDE, Fabiana Villela. Assistência ao parto de mulheres imigrantes: a vivência do enfermeiro obstetra/obstetriz. 2016.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-30092016-164021/ >.
    • APA

      Kuramoto, C., & Mamede, F. V. (2016). Assistência ao parto de mulheres imigrantes: a vivência do enfermeiro obstetra/obstetriz. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-30092016-164021/
    • NLM

      Kuramoto C, Mamede FV. Assistência ao parto de mulheres imigrantes: a vivência do enfermeiro obstetra/obstetriz [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-30092016-164021/
    • Vancouver

      Kuramoto C, Mamede FV. Assistência ao parto de mulheres imigrantes: a vivência do enfermeiro obstetra/obstetriz [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-30092016-164021/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2022